Google pede ao Tribunal para que não conecte a empresa ao novo processo de Epic Games vs Apple

Google pede ao Tribunal para que não conecte a empresa ao novo processo de Epic Games vs Apple

Google pede ao Tribunal para que não conecte a empresa ao novo processo de Epic Games vs Apple

Dona do Android diz que irá atuar somente no seu processo contra a Epic
Publicado por Billy Butcher, em .

O Google está tentando impedir que os tribunais distritais dos EUA o tragam para a batalha legal em curso entre a Apple e a Epic Games.

A gigante da internet entrou com uma resposta aos juízes sobre vários casos, incluindo a juíza Yvonne Gonzalez Rogers, que está lidando com Epic vs Apple, que estavam considerando relacioná-los um ao outro.

O Google se opôs a isso, alegando que há diferenças suficientes entre ela e a Apple que há "pouco risco de resultados conflitantes".

"Embora Android e iOS concorram para atrair desenvolvedores de aplicativos e usuários finais, o Google e a Apple usam diferentes modelos de negócios, acordos e políticas para oferecer suporte a ecossistemas concorrentes."

A principal diferença é que, enquanto a Apple só permite a distribuição de aplicativos por meio de sua própria App Store, os dispositivos Android podem ter várias lojas de aplicativos instaladas e os usuários podem fazer o sideload de aplicativos pela Internet.

A Epic Games entrou com ações judiciais contra a Apple e o Google depois que as duas empresas retiraram o Fortnite de suas lojas de aplicativos.

Esta é uma decisão motivada pela introdução do pagamento direto pela Epic, evitando a taxa de 30% em todas as transações de aplicativos distribuídos por essas lojas.

No entanto, o processo do Google também afirma que nenhuma entidade do Google foi oficialmente notificada com uma reclamação para este caso.

Assim que for entregue, e o cronograma inicial for acertado para os procedimentos legais, o Google planeja desafiar com seu processo á empresa Epic Games "em grande parte com base em circunstâncias exclusivas do Android".

A Epic Games entrou com outro pedido de liminar contra a Apple em um esforço em exigência para que o Fortnite volte para App Store do iOS, enquanto ainda persegue seu caso antitruste contra a empresa.

A firma do Fortnite recebeu anteriormente uma liminar parcial que impedia a Apple de bloquear o Unreal Engine no iOS, o que teria afetado outros desenvolvedores que o usam, mas Fortnite permaneceu banido.

O Google observou que o caso Epic vs Apple está sendo tratado em um cronograma acelerado, algo que o juiz questionou ao conceder a liminar parcial, observando:

"Não está claro por que agora se tornou tão urgente."

Dados da Sensor Tower mostraram que o banimento de Fortnite na App Store teve mais impacto na Epic Games do que o banimento dentro da Google Play.

Nos 30 dias anteriores ao início dos processos, os jogadores da App Store gastaram US $ 43,4 Milhões no Fortnite, enquanto o público do Google Play gastou apenas US $ 3,3 Milhões.

A Epic Games alega que a Apple está sendo "monopolizadora" e "destruidora do seu comércio de jogos", mas a Apple respondeu-a dizendo que bastava apenas aceitar suas políticas que nada disso teria acontecido.

Evil E.
Billy Butcher #Evil E.

Um grande fã dos gêneros de Stealth e Ficção-Científica.

Tenho uma paixão imensa pela franquia Metal Gear Solid, na qual considero a minha favorita, porém também sou um grande amante das sagas Halo e StarCraft.

Moderador do Site, 26 anos, Volta Redonda, Rio de Janeiro
Deixe seu comentário para sabermos o que você achou da publicação
Gosta do site e quer ajudar a o manter online? Apoie-nos!.
Não se esqueça que você pode participar do nosso Discord.
E também nos seguir no Facebook, Twitter, Instagram e na nossa curadorida da Steam.