.

DLC de Super Smash Bros. Ultimate ajudou a Nintendo a faturar mais

Enviado por Catos, , 0 comentários
Clique para ver a imagem em tamanho original


A Nintendo está a explorar cada vez mais o formato digital e as receitas que pode obter através do lançamento de conteúdos extra para alguns dos seus maiores sucessos no Switch.

Um dos principais lançamentos para o seu híbrido é Super Smash Bros. Ultimate e segundo revelado por Shuntaro Furukawa, presidente da Nintendo, o Fighters Pass foi uma das principais fontes de receita no segmento digital.

Na mais recente apresentação aos investidores, Furukawa falou sobre o crescimento das receitas gradas a partir de conteúdos digitais, em relação ao ano fiscal anterior, mencionando que além dos jogos completos em formato digital, também os DLCs estão a contribuir imenso.

Furukawa diz que os consumidores compram cada vez mais versões digitais dos grandes lançamentos e que isso não está relacionado com medidas específicas da companhia, mas existem três factores importantes para os quais a companhia trabalhou.

O robusto alinhamento de indies e jogos disponíveis exclusivamente em formato digital incentiva mais pessoas a investir na compra de jogos digitais, a venda de DLCs está a aumentar e também está a gerar mais dinheiro com o Nintendo Switch Online. Estes são os três principais fatores apresentados pela Nintendo para este crescimento.

Sobre a venda de DLCs, Furukawa mencionou que até agora, The Legend of Zelda: Breath of the Wild e Splatoon 2 eram os grandes responsáveis por gerar dinheiro, mas agora existe um nome mais forte: Super Smash Bros. Ultimate.

Segundo diz, o Fighters Pass para o jogo fez uma "enorme contribuição" para as receitas digiais da Nintendo.
Catos
Enviado por Catos
Membro desde
28 anos, Goiânia
label