.

Death Stranding | Jogo é "apavorante", segundo hands-on na PAX Austrália

Enviado por Catos, , 0 comentários
Clique para ver a imagem em tamanho original



Death Stranding será lançado mundialmente no próximo mês e todos devem estar entusiasmados, se minha experiência valer de algo. O jogo me deu pesadelos

Death Stranding entrou em fase Gold no final do mês passado e deve ser lançado no início de novembro. Tive a sorte de experimentar um pouco da atmosfera do jogo e, embora mal tenha dado quinze minutos, o jogo me marcou... na verdade, me deu pesadelos.

Mesmo que você jogue com o próprio Norman Reedus, só de assistir outra pessoa jogar me deu uma incrível ansiedade. É o medo do desconhecido enquanto vagava pelo mundo que me dá tanto medo. Eu me senti muito mais segura sendo apenas uma espectadora; aqui está o porquê.

Sim, Death Stranding me deu pesadelos! Nunca em meus 20 e poucos anos como jogadora, eu me senti tão desesperada e perdida ao jogar um jogo. E não tem nada a ver com as mecânicas do jogo, mas com o próprio mundo. Os ambientes de Death Stranding são de causar pesadelos. O mundo de Death Stranding é realmente muito estranho. Imagine isto:

Você está vagando por um planeta alienígena quase deserto, sem conhecimento de que tipo de vida existe nele. É um mundo aberto enorme, com amplos espaços abertos e você está completamente exposto. Quando a noite cai, você começa a ouvir sons assustadores, mas não faz ideia do que são. Você tenta procurar em volta por sinais de perigo, mas uma névoa espessa lentamente começa a sufocar sua visão. O som fica mais alto e você força os olhos para ver se consegue enxergar alguma coisa e, eis que parece haver algo flutuando na névoa, e vindo em sua direção. Não sei o que é isso, não sei o que fazer, apenas surto e jogo o controle para o meu amigo. Essa é a minha experiência em poucas palavras.

O ambiente de Death Stranding é um dos mais assustadoras e imersivos que já experimentei em um jogo. Embora o mundo possa parecer vazio e sem vida, nunca parece que você está realmente sozinho... e é aterrorizante. Você não sabe o que irá aparecer ao seu lado, e parece que existe essa presença maior que a vida constantemente observando você através das nuvens! Parece que Hideo Kojima pegou a atmosfera de Silent Hills e injetou esteroides.

Eu já vou afirmando, ele ganhará o GotY. Mas talvez eu precise encontrar alguém para me fazer companhia enquanto jogo. O jogo literalmente me traumatizou. Tive um pesadelo sobre estar preso em um planeta alienígena depois de apenas 15 minutos de jogo... e nem acho que era para o jogo ser um survival horror! Talvez eu estivesse tão aterrorizada porque fui jogada aleatoriamente no meio do jogo, sem contexto, sem ideia da história ou explicações dos muitos seres do jogo.
Catos
Enviado por Catos
Membro desde
28 anos, Goiânia
label