.

Qualcomm anuncia o Snapdragon 670 para impulsionar recursos de IA em dispositivos intermediários

Enviado por Cristianogremista, , 333 visualizações, 0 comentários
A Qualcomm anunciou nesta quarta-feira (8) o SoC Snapdragon 670, o mais novo integrante da série 600, linha chips voltados para aparelhos intermediários.


[img]hide:aHR0cHM6Ly91cGxvYWRkZWltYWdlbnMuY29tLmJyL2ltYWdlcy8wMDEvNTUyLzM1NC9vcmlnaW5hbC9xdWFsY29tbS1zbmFwZHJhZ29uLTY3MC5qcGc=[/img]

De acordo com os detalhes divulgados, o novo chip, fabricado a partir do processo de confecção de 10 nanômetros, oferece oito núcleos Kryo 360, sendo que seis deles contam clock de 1.7GHz, e os outros dois restantes oferecendo 2.0GHz de clock base.

Com tanta potência de processamento em seu arsenal, o chip funcionará com a Artificial Intelligence Engine, desenvolvida pela Qualcomm, que auxiliará os dispositivos em funções específicas que envolvam o uso de inteligência articial.

Promentendo o "dobro de desempenho" em relação ao modelo antecessor Snapdragon 660, o novo SoC também conta com a GPU Adreno 615, que, conforme a empresa garante, oferecerá a capacidade de processamento gráfico superior em games e a reprodução de vídeos em 4K a 30 quadros por segundo.

Adaptando-se à tendência crescente dos dispositivos mid-range com sistema de câmera dupla, a Qualcomm fez questão de salientar que o Snapdragon 670 será capaz de suportar configurações de lente única de no máximo 25 MP ou sensor duplo de até 16MP, tudo isso graças ao processador de imagens integrado Spectra 250.

Outro upgrade significativo deste novo chip está em sua eficiência energética, oferecendo compatibilidade com o sistema QuickCharge4 +, garantindo níveis de cargas de 0% a 50% em apenas 15 minutos, além de contar com melhorias gerais no gerenciamento de bateria para ampliar a autonomia de aparelhos móveis em até 30% em relação ao modelo anterior da empresa.

As configurações do Snapdragon 670 compartilha de muitas semelhanças com o Snapdragon 710, direcionado comumente a dispositivos intermediários premium, o que deve possibilitar que as fabricantes de smartphones consigam melhorar ainda mais o desempenho de dispositivos sem elevar muito o preço.
Cristianogremista
Enviado por Cristianogremista
Membro desde
25 anos, Santa Rosa-RS
label