.

Insatisfeito com os coolers clássicos? confira o Boreas da CooLIT

Enviado por rafael linux, , 1077 visualizações, 0 comentários
Insatisfeito com os coolers clássicos? Decepcionado com o watercooling? Por que não tenta o Boreas da CoolIT? Esse dissipador utiliza a tecnologia MTEC da fabricante, ou seja, uma mistura de watercooler e refrigerador termoelétrico. Não é a primeira vez que os produtos da CoolIT chamam a atenção em nossas notícias, como por exemplo um sistema especialmente concebido para as placas gráficas Radeon. Além disso, foram adotados pela Dell em seus PCs ultra high-end da linha XPS 720 H2C.

[img]hide:aHR0cDovL21lZGlhLmJlc3RvZm1pY3JvLmNvbS9Db29sSVQtQm9yZWFzLVRFQy1QZWx0aWVyLDItTy01NTgyNC0zLmpwZw==[/img]
Em relação ao protótipo de feira, o produto finalizado não traz muitas diferenças. Trata-se de um imponente dissipador de forma cilíndrica, flanqueado de uma ventoinha de 120 mm em cada uma de suas extremidades. Em seu interior esconde-se 12 elementos termoelétricos (conhecidos sob o denominação Peltier) de potência total máxima de 130 W. E por último, nas laterais do dissipador encontram-se quatro waterblocks.

O papel do Boreas é refrigerar a água quente proveniente dos waterblocks da CPU ou GPU de modo muito mais eficaz que um simples cooler a ar. Na exibição da CeBIT, foi possível acelerar um processador Core 2 Quad a 3,45 GHz e duas GeForce 8800 GTX overclocadas, ou seja, uma potência total de 600 W sem problemas. O seu funcionamento pode ser automático (adaptação da potência de refrigeração em função da carga) graças a um software fornecido. Uma solução de luxo que infelizmente tem um custo alto: US$ 450 apenas pelo Boreas, além do acréscimo de um, dois, três ou mesmo quatro waterblocks quando forem necessários e uma bomba.

[img]hide:aHR0cDovL21lZGlhLmJlc3RvZm1pY3JvLmNvbS9SLzAvMTEzNDAvb3JpZ2luYWwvRFNDMDY2MDYuSlBH[/img]
rafael linux
Enviado por rafael linux
Membro desde
label