.

Xbox Two: Veja o que esperar do Próximo Xbox e pra quando

Enviado por ENO2015, , 2517 visualizações, 0 comentários
Como será o Xbox Two (seria esse mesmo o nome no próximo Xbox)? Será que o novo console da Microsoft pode ter uma ligeira vantagem sobre o novo console da Sony? Se sim, como?

Nós temos mais perguntas do que respostas neste momento, mas você pode ter certeza que, assim como o sol nasce no leste e se põe no oeste, em algum momento no novo chefão do xbox, Phil Spencer, terá de subir ao palco na E3 e dizer: " Sim, Xbox Two está chegando."

Mas você não pode falar sobre o Xbox Two sem primeiro dar uma olhada no Xbox One. Existe uma diferença muito grande no console disponível para comprar hoje daquele anunciado por Don Mattrick em maio de 2013.

O Xbox One foi anunciado com muitos requisitos e funções, e se tudo aquilo fosse verdade, nós teríamos um console no qual seria necessário uma conexão quase constante à Internet para que pudessemos jogar alguma coisa. Os HDs estariam vinculados à nossa conta na Live, efetivamente matando o mercado de jogos em mídia física.

E principalmente, seria extremamente necessário o novo e melhorado Kinect (vendido junto com o Xbox) para ser conectado a fim de ser totalmente funcional, mesmo se você nunca teve a intenção de usar o controle de voz ou controle de movimento do Kinect.

[img]hide:aHR0cDovL2kxLndwLmNvbS9tZXN0cmVnYW1lci5jb20uYnIvd3AtY29udGVudC91cGxvYWRzLzIwMTUvMDUvaGFsbzRfbWFzdGVyLWNoaWVmLTAxLWhpZ2hyZXMtNjUwLTgwLnBuZw==[/img]
"Microsoft cometeu muitos erros durante o período de pré-lançamento do Xbox One", diz o especialista Guy Cocker, mas havia três mais importantes.

"Em primeiro lugar, a Miscrosoft criou um produto que ninguém queria. O anúncio marcou o dispositivo como uma caixa de entretenimento que combinou um gravador, uma reprodutor de vídeo, um navegador de internet e praticamente por último um vídeo game.

"Justamente por isso houve a necessidade percebida da Microsoft de ter o Kinect alimentando tudo isso, e o console fucou significativamente mais caro do que o PS4 (No lançamento nos EUA).

"E por último o anúncio sobre as novas políticas de compra e venda de jogos, que não foram bem recebidas pelos fãs."

Mas nem tudo foram erros. A Microsoft, de boa vontade, ouviu comentários dos fãs e uma após a outra introduziu novas políticas para tornar o console mais atraente para seu público-alvo.
Atualizações do Xbox One

Tem sido transformador, mas a Microsoft está longe de terminar e ainda por meio de atualizações de software mensais, o console tem continuado a ajustar sua aparência e desempenho.

Desde o lançamento foi adicionado suporte a disco rígido externo, funcionalidade melhorada para reprodução de vários tipos de arquivos e formados de mídia, revisões drásticas ao chat em partidas e funções sociais, e ainda algumas alterações no sistema de gravação dos jogos, tudo isso em pouquíssimo tempo.

Considere também um sistema operacional construído especificamente para atualizações regulares, servidores dedicados para jogos e amplo acesso ao armazenamento em nuvem. Talvez nem tudo esteja perdido para os caixistas.

O que isso significa para o Xbox Two?

Então, o que podemos aprender com tudo isso sobre o Xbox Two? Primeiro que precisa ser um novo console, com hardware e aparência completamente nova, mas será que teremos outra espera de oito anos?

Existem opiniões diferentes sobre isso.

"Eu acho que sim", diz Jon Hicks, ex-editor da Revista Oficial Xbox ", mas isso ainda pode mudar. A Microsoft foi muito clara no anúncio do Xbox One que ele teria uma vida útil de dez anos, e que é provável que continuam a ser o caso, mas a mudança de Xbox 360 e PS3 para next-gen não foi como a mudança da geração anterior.

"As vendas iniciais dessa nova geração de consoles, foram uma surpresa para todos - a expectativa era de uma transição mais lenta, e a explicação consensual é que havia uma demanda reprimida significativa para "novo consoles". Ou seja, talvez o substituto de Xbox One chegue um pouco mais cedo do que os oito anos que durou o Xbox 360, mesmo que a expectativa de vida do Xbox One seja dez anos.

Cocker, porém, acha que vai ser mais cedo. "Eu diria que haverá outro Xbox em cerca de cinco anos de tempo", diz ele.

"Eu acho que a Microsoft terá definitivamente aprendido com seus erros; o cara principal responsável pelo desenvolvimento do Xbox One, Don Mattrick, deixou a empresa pouco depois de anunciá-lo no palco, e Phil Spencer, que agora dirige a divisão Xbox da Microsoft, é um o homem dos jogos, e por isso podemos esperar que 2015 seja um bom momento para Xbox One. Como novos jogos de volta na linha da frente, que é como ele conseguiu se tornar tão bem sucedido com o console em 2001: uma ótima máquina e grandes jogos exclusivos como Halo e Jet Set Radio Future ".
Xbox Two: foca nos jogos!

Ah sim, os jogos. Microsoft pode ter deixado de mencionar os jogos durante o lançamento do Xbox One, mas ele mudou de ideia quando ouviu a resposta das comunidades de gamers.

É uma lição que a MS provavelmente não irá se esquecer por muito tempo.

"Eu acho que o próximo Xbox será um console com foco no jogo, por isso vai lançar com peças de hardware de alto desempenho como o Xbox One, com a diferença de que será mais barato no lançamento", diz Cocker.

"Eu acho que a chave para a Microsoft, será fazer mais aquisições como Mojang (que a Microsoft comprou na este ano por US $ 2,5 bilhões ) ao longo dos próximos anos. Jogos Exclusivos são a força vital para qualquer fabricante de console, e existe a necessidade da Microsoft de construir nomes fortes e exclusivos em face do crescente domínio da Sony em jogos e estúdios exclusivos.

Há também uma boa chance do Xbox Two finalmente abandonar a unidade de disco físico, principalmente com os serviços online ficando cada vez melhores".

"Tanto o Xbox One quando o PS4 são extremamente focados no online e os jogos produzidos por eles refletem isso - Destiny sendo o mais recente exemplo de um jogo focado no online
Xbox Two: Kinect

O que a Microsoft viu no Kinect que ficou tão interessado em empurrar junto com Xbox One, ne poucos meses depois mudou de ideia?

"Mas ainda é uma peça inteligente e de muita tecnologia, ele pode ser usado de formas muito interessantes, e é um diferencial para a plataforma. Eu não ficaria surpreso se nós víssemos alguns jogos e aplicativos bacanas para jogar com o Kinect já no próximo ano."

Xbox Two: hardware

No entanto, enquanto o seu rival PlayStation continua a explorar novos horizontes para o PS4 e além com o Projeto Morpheus, Playstation Now e Vita Cross-Play, a Microsoft tem alguns outros ases na manga.

"A Microsoft sempre teve um incrível orçamento e continuará a investir em todos os tipos de novas tecnologias, seja para si ou para uso de licença em outro lugar", diz Hicks.

"Eu suspeito que nós veremos Kinect retornando com alguma outra capacidade".


Xbox Two: conclusão

Um novo console não se vê saindo todo o dia, mas podemos imaginar que, com as lições aprendidas no lançamento do Xbox One, sua evolução para o Xbox Two será feita de forma mais estratégica, pensando melhor no público da comidade de gamers. Esse pensamento focado no público já existe, e podemos ver isso em suas constantes atualizações. Agora é esperar pra ver, e rezar pra que não precisemos esperar 10 anos pra isso.

E você, o que acha? Será que a Microsoft vai superar a sony na próxima geração? Será que a sony tem mais cartas na manga? Comenta aí!
ENO2015
Enviado por ENO2015
Membro desde
label