.

10 Razões para conhecer a série Mother (EarthBound)

Enviado por Anônimo, , 1242 visualizações, 0 comentários
[img]hide:aHR0cDovL2kueXRpbWcuY29tL3ZpL0ZMa1pDSmRYYmZ3L21heHJlc2RlZmF1bHQuanBn[/img]
Alienígenas, fanáticos religiosos, dinossauros, tacos de beisebol, fantasmas, meteoritos, homens sereia, Monty Python, músicos fanfarrões, exército de porcos, moscas falantes, krakens, The Beatles, o monstro do Lago Ness, pijamas e sua comida favorita no mundo todo. Se você não consegue unir essas coisas que listei; se pra você Mother é só uma palavra inglesa; se você só conhece o Ness por causa de Super Smash Bros., então já passou da hora de abrir sua mente e mergulhar no fantástico mundo de Mother.

10. Imagine um jogo inspirado por John Lennon

[img]hide:aHR0cDovL3d3dy5hbmltZS1wbGFuZXQuY29tL2ltYWdlcy9jaGFyYWN0ZXJzL2pvaG5fbGVubm9uXzI0MDY2LmpwZw==[/img]
O único jogo da série lançado oficialmente nos Estados Unidos foi EarthBound, para o Super Nintendo. Então, tecnicamente, no ocidente sequer podemos dizer que se trata de uma série. Mas, no Japão, aquela terrinha maravilhosa, nós temos três jogos de Mother, o nome oriental de EarthBound. Aliás, você sabe de onde veio o nome Mother?
O diretor e designer da série, Shigesato Itoi, é um grande fã dos Beatles. Então resolveu homenagear John lennonLennon em seus jogos, dando a eles o nome da bela canção Mother, uma das mais inspiradas composições deste que é um dos maiores músicos de todos os tempos. Itoi admirava e se identificava bastante com Lennon, pois ambos tiveram pais ausentes. Não por acaso, um dos temas centrais de todos os jogos da série Mother são as relações familiares e o abandono. Interessante, não?


9. E que tal um jogo influenciado por todos os Beatles?

[img]hide:aHR0cDovL3dhbGxwYXBlcnN3YS5jb20vdGh1bWJuYWlscy9kZXRhaWwvMjAxMjAzMjEvZmlyZWZveCUyMHRoZSUyMGJlYXRsZXMlMjBqb2huJTIwbGVubm9uJTIwZ2VvcmdlJTIwaGFycmlzb24lMjByaW5nbyUyMHN0YXJyJTIwcGF1bCUyMG1jY2FydG5leSUyMDE2ODB4MTA1MCUyMHdhbGxwYXBlcl93d3cud2FsbHBhcGVyaGkuY29tXzEwLmpwZw==[/img]
Em breve falarei dos variados easter eggs geniais espalhados por toda a saga de Mother, mas veja só quantas pequenas referências fantásticas só sobre os Beatles foram escondidas nos jogos: depois de dormir num hotel, é possível ouvir as primeiras notas da música "Good Morning, Good Morning". A música tema das drogarias é muito similar à canção "When I'm Sixty-four". Quando você sai de casa para verificar o meteoro que caiu, a percussão remete à "Strawberry Fields Forever".
Mas não existem apenas músicas que apenas lembram as canções famosas, há realmente samples de duas canções dos Beatles no jogo. Na Brickroad Dungeon pode-se ouvir o começo de "Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band", enquanto na Cave of the Past, ouvimos as primeiras notas de "All You Need is Love".
Em Onett, um homem pergunta a Ness se ele pode completar as lacunas e desvendar o nome de uma música. O enigma em questão é "XXXterday". O submarino amarelo que marca presença como meio de transporte é uma referência bem auto-explicativa.

[img]hide:aHR0cHM6Ly9saDUuZ29vZ2xldXNlcmNvbnRlbnQuY29tL19EU0lJZjN6MWlOMC9UWWVYZGkxZkI0SS9BQUFBQUFBQUFpZy9ZeWxHQUpyZnN4VS9iZWF0bGVzJTIweWVsbG93JTIwc3VibWFyaW5lJTIwZWFydGhib3VuZC5qcGc=[/img]
Há muito mais homenagens aos Beatles espalhadas nos jogos da série, e eu recomendo fortemente que você jogue e se divirta tentando encontrar outras por conta própria. A não ser que você odeie Beatles, claro. Neste caso, felizmente, há…

[img]hide:aHR0cHM6Ly9saDYuZ29vZ2xldXNlcmNvbnRlbnQuY29tL19EU0lJZjN6MWlOMC9UWWs0aFJwSGtSSS9BQUFBQUFBQUFqRS96dFlPc3UtWmhFNC9tciUyMHQlMjBlYXJ0aGJvdW5kLmpwZw==[/img]
8. Muitos outros easter eggs musicais!

[img]hide:aHR0cDovL3d3dy5mbHlpbmdvbWVsZXR0ZS5jb20vcmV2aWV3cy9zbmVzL3NjcmVlbnMvZWJiZWF0bGVzLmdpZg==[/img]
Quando você entra em combate com um hippie, ou com Frank Fly, pode-se ouvir uma música incrivelmente similar ao clássico "Johnny B. Goode", de Chuck Berry (aquela famosa canção que o Marty McFly "criou" em De Volta Para o Futuro) A banda Runaway Five é bem similar aos Blues Brothers. Quando você entra no fliperama de Onett é possível ouvir ao fundo a música do jogo Xevious. Ao enfrentar Mr. Batty é impossível não rir ao perceber que remixaram a música tema do seriado do Batman dos anos 60.
Ufa. São, literalmente, centenas de referências espalhadas ao longo dos três games Mother, e eu poderia facilmente passar esta coluna inteira só falando de música. Mas isto seria uma injustiça com as outras áreas de destaque do game, então vamos ficar por aqui. Apenas não deixe de conferir toda a trilha sonora dos três games da série, ok? Mesmo quando não estão fazendo referência a músicas famosas, são trabalhos sonoros magistrais. Ouça, por exemplo, o tocante tema principal da série:


7. Mother é cultura:

[img]hide:aHR0cDovLzMuYnAuYmxvZ3Nwb3QuY29tL19EU0lJZjN6MWlOMC9UWlhkaHNVQXlMSS9BQUFBQUFBQUFqZy84dXJMcnlWb3RKYy9lZ2l0byUyMHNjYXJhYmElMjBlYXJ0aGJvdW5kLmpwZw==[/img]
Mother é sobre diversidade cultural, e isso fica claro em todos os jogos logo de cara, só de dar uma olhada nos personagens que você controlará ao longo do game. Um velho caubói, um intelectual, um samurai, uma professorinha, e até mesmo um cachorro e um macaco são apenas alguns dos tipos que comandamos ao longo de suas aventuras.
A verdade é que depois que você termina de jogar todos os jogos da série Mother, você se sente como se tivesse rodado o mundo e experimentado as mais diversas culturas. Parece exagero, mas você realmente termina a experiência se sentindo uma pessoa melhor e mais vivida. A sensação de começar a sua aventura numa cidadezinha do interior e acabar enfrentando um Kraken em alto mar, ou fazendo amizade com o monstro do Lago Ness é algo que precisa ser jogado para ser explicado.


6. A caixa é grande!

[img]hide:aHR0cDovL2kyMDAucGhvdG9idWNrZXQuY29tL2FsYnVtcy9hYTIwNy9tYXhpbXVzZnJpc2JlZS9lYXJ0aGJvdW5kLnBuZw==[/img]
Ok, este é um motivo meio fútil para gostar de EarthBound, eu admito, mas vamos falar a verdade: quem no mundo não gosta de ganhar um presente grande? Você está passeando pela loja de videogames local, observa um monte de caixinhas ordinárias de Super Nintendo, até que percebe uma caixa enorme em destaque. Se você comprou Mario Paint ou The Legend of Zelda: Ocarina of Time, deve ter ideia do tamanho exato de caixa que eu estou falando aqui. É a mãe de todas as caixas. Cinco ou seis vezes maior que a sua caixinha ordinária.
Mas não é só isso. A caixa enorme não é mero enfeite. Ela é desse tamanho porque o jogo traz como brinde o guia de estratégia oficial. Veja bem, nos tempos pré-internet, esses guias eram uma tremenda mão na roda.mother2guide Lembre-se que não existiam detonados on-line para serem acessados quando você bem entendesse. Quando você empacava num jogo, precisava torcer para ter algum amigo que já tivesse passado de fase para dar a dica, ou então esperar semanas para comprar uma revista de videogames na banca, torcendo para ela publicar um guia. Sendo assim, levar uma caixa enorme e um incrivelmente extenso, detalhado e bonito guia de jogo era basicamente o combo mais atrativo que você poderia encontrar numa loja nos anos 90. Não por acaso, colecionadores de videogame estimam que EarthBound em bom estado, na sua caixa enorme e com guia de jogo, é um dos artigos mais valiosos do mundo do entretenimento eletrônico. Peça rara de colecionador!

5. E agora para algo completamente diferente... O humor em Mother

[img]hide:aHR0cDovL29yaWcwNS5kZXZpYW50YXJ0Lm5ldC85Zjk1L2YvMjAxMS8zMjYvYS9lL2hhdGVyc19nb25uYV9oYXRlX2VhcnRoYm91bmRfYnlfaGFydW5vaGFuYTY3My1kNGd6dGVuLmdpZg==[/img]
Uma das maiores referências humorísticas da série Mother é o grupo de humor Monty Python. Pode-se dizer que eles estão para a comédia como os Beatles estão para a música, então não deixa de fazer bastante sentido que Itoi e sua equipe tenham buscado inspiração nos Python para dar o tom humorístico de seus jogos, não é? A música "Your Name Please", que toca na tela em que você escolhe os nomes dos personagens, conta com um sample do programa Monty Python's Flying Circus, inclusive com risadas de plateia ao fundo quando você confirma suas escolhas no menu.
Ao longo de todos os jogos você vivenciará uma série de eventos absurdamente improváveis e surreais, que são exatamente a base do humor de Monty Python e do escritor Douglas Adams, outra influência notória do humor nos jogos. Sem a menor sombra de dúvidas, aqueles jogadores fluentes em inglês darão muitas risadas ao longo de todos os games da série Mother.
Querem um exemplo de humor absurdo nunca antes visto nos videogames? Durante sua jornada, um lápis estará bloqueando o caminho. Sim, um lápis. E como você passa por esse obstáculo aparentemente instransponível? Usa-se uma borracha, oras. Em outro momento, para entrar numa base inimiga, você precisa pedir para entrar, soltar seu controle e permanecer imóvel por três minutos só esperando. Tolo? Sim. Absurdo? Demais. Engraçado? Com certeza.


4. Miyamoto adora a franquia

[img]hide:aHR0cDovL3d3dy5ibG9nY2RuLmNvbS93d3cuam95c3RpcS5jb20vbWVkaWEvMjAxMC8wOS9tYXJpb25pbnRlMjVpbnR2LmpwZw==[/img]
Se isto aqui fosse um Top 1, ao invés de um Top 10, e só este item fosse listado, sem qualquer justificativa abaixo dele, gosto de pensar que qualquer nintendista que se preze já estaria convencido a testar os jogos da série Mother. Mas como você é um leitor exigente e de bom gosto, aposto que está curioso para ler o que o mestre tem a dizer sobre Mother, então vamos lá. Em 1994, a Famicom Tsushin (futura Famitsu) entrevistou Miyamoto e perguntou se era verdade que EarthBound foi o primeiro RPG que ele zerou. Vejam a resposta:
"Eu zerei Mother 1 também. Mas EarthBound foi o primeiro RPG que zerei sem trapacear. (…) EarthBound me fez perceber o quanto os jogos vinham devendo em qualidade de roteiro até então. Ver o quão bem as coisas podem ser explicadas em meras duas linhas de texto realmente me impressionou. (…) a história de EarthBound realmente me cativou, pois os personagens são únicos e apaixonantes. Até mesmo as toupeiras que saem do chão e te explicam coisas. Costumamos tratar os personagens como paródias das pessoas e nada mais. Ver como o Sr. Itoi conseguiu torná-los tão naturais e expressivos me marcou profundamente." Pronto. Agora vá jogar!



3. Finais emocionantes:

[img]hide:aHR0cDovL3d3dy5yaXB0ZW4uY29tL3dwLWNvbnRlbnQvdXBsb2Fkcy8yMDEzLzA3L2VhcnRoYm91bmRoZWFkZXIuanBn[/img]
Vamos deixar uma coisa clara: eu não sou o tipo de pessoa que chora fácil. Fora o final de Lost e Monstros S.A. (se você não chorou com eles, você não tem coração), nada no mundo da cultura pop me emociona. Sou chato assim. Mas os jogos da série Mother são como um abraço na alma. Os games cativam o jogador de um modo que nenhum outro consegue fazer. Em todos os três jogos, sem exceção, cheguei no chefe final na ponta da cadeira, lutando de coração pelo bem dos meus amigos.
Sim, amigos. Pois o vínculo emocional que se estabelece com os personagens ao longo do game é muito forte. Talvez seja porque você salva o progresso no jogo ligando para a seu pai em casa. Talvez seja porque o melhor modo de ganhar energia é comendo o seu prato favorito no conforto do lar. Talvez seja porque Ninten, Ness e Lucas não sejam nada mais que projeções de nossas Mother_3_1próprias infâncias, lutando para tornar o melhor possível o confuso mundo da vida adulta. Ou talvez apenas um jogo muito bem programado e dirigido. De todo modo, acredite: Quando você enfrentar Giygas e o exército de Porky estará num estado de profunda conexão emocional, e nenhum outro game até hoje chega perto de conseguir algo similar.


2. Se você não estava prestando atenção:
Miyamoto. The Beatles. Monty Python. Histórias emocionantes. Caixa gigantesca com guia de jogo incluso. O monstro do lago Ness. Personagens cativantes. Sério, jogue Mother agora! Só queria ter certeza que fixei bem isto.
Ah, você queria algo mais interessante neste parágrafo? Aqui vai uma curiosidade legal então. Onett, Twoson, Threed e Fourside. Estes são os nomes das quatro primeiras cidades que você visita em EarthBound. Percebe que elas são numeradas em inglês? Se você nunca tinha reparado, sua mente acaba de explodir um pouco. De nada.

1. Os fãs são demais!

[img]hide:aHR0cDovL2kueXRpbWcuY29tL3ZpL09UUXk3bndvRmprL21heHJlc2RlZmF1bHQuanBn[/img]
Como disse no início deste Top 10, dos três jogos da série Mother, apenas o segundo veio para o ocidente, com o nome de EarthBound. O que você talvez não saiba é que, graças à iniciativa dos apaixonados fãs da franquia, é possível jogar todos os games em inglês! Apesar de todos os apelos dos fãs à Nintendo da América, pedindo o lançamento de EarthBound 3, os executivos da Big N consideraram que ele não venderia bem o suficiente para justificar o investimento, principalmente porque o GameBoy Advance já estava no final do seu ciclo de vida, então não faria sentido ter tanto trabalho para localizar Mother 3 para o ocidente.
O que os fãs fizeram então? Num lindo projeto, fruto de muito esforço, o jogo inteiro foi traduzido e disponibilizado na internet. Longe de ser um ato de pirataria, essa atitude foi uma carta de amor dos jogadores à essa que é uma das franquias mais subestimadas da Nintendo. Graças à nobre iniciativa sem qualquer fim lucrativo, tanto Mother 1 (batizado extraoficialmente como EarthBound Zero) como Mother 3, ou EarthBound 3, puderam finalmente receber a apreciação devida.

[img]hide:aHR0cDovL2kueXRpbWcuY29tL3ZpL3JmQjd3UEl2c3BVL2hxZGVmYXVsdC5qcGc=[/img]
EarthBound/Mother é sem duvida o melhor RPG que já joguei,e vale a pena conferir essa incrível e emocionante jornada....
label