.
4

Análise do jogo "Harry Potter and the Prisoner of Azkaban" para PC escrito por Uol Jogos

Escrito por Uol Jogos, nota 4 de 5, enviado por marped,
Antes de "Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban", o terceiro filme da série baseada nos livros de J.K. Rowling, estrear no mundo todo, as aventuras do jovem bruxo nos mundo dos videogames aportam no mundo do PC para alegria de seus seguidores. E, assim como o novo filme, o jogo promete atingir outras faixas etárias senão a do público infanto-juvenil, que forma grande parte do corpo dos fãs do personagem. Nesta aventura, assim como na história original, Harry inicia seu terceiro ano na Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts depois de um verão terrível com os Dursleys. Porém, uma reviravolta acontece quando Potter descobre que Sirius Black, responsável indireto pelo assassinato dos pais de Harry, fugiu de Azkaban, a prisão dos bruxos. Black, vassalo do Lorde Voldemort, está então atrás de Harry por ele ter frustrado os planos do vilão. E, por sua vez, os Dementadores, guardas da prisão de Azkaban, estão atrás de Sirius Black. Porém, a presença dessas criaturas abala profundamente Harry que, desconfiado com os fatos que compõem a terceira aventura, precisará da ajuda de seus companheiros Rony e Hermione neste jogo de ação em terceira pessoa. [img]hide:aHR0cDovL3d3dy5pdHJldmlld3MuY28udWsvZ3JhcGhpY3Mvbm9ybWFsL2dhbWVzL2cxNTUuanBn[/img] [title]Novidades na jogabilidade[/title] O terceiro jogo de Harry Potter carrega uma novidade significativa em relação aos seus antecessores: é a primeira vez que se pode alternar os personagens que se controla. Além de batalhar no dia-a-dia de Hogwarts, aprender novos encantos (dez, sendo um exclusivo de Potter) e jogar mini-games em busca de recompensas (como Quadribol, voar no hipogrifo Bicuço e se livrar dos diabretes), Harry deve, na surdina e junto de seus companheiros Rony e Hermione, solucionar o mistério da fuga de Sirius Black de Azkaban vasculhando os confins de sua escola de magia. O fato de se poder alternar de personagens durante o jogo (sendo que se pode fazer a mudança a qualquer instante através do menu) se deve por conta da variedade de feitiços e habilidades diferentes que cada um aprende e que são importantes para a solução de variadas tarefas e enigmas. Por exemplo, certas ocasiões requerem que vários alvos sejam alvejados com a mesma magia; assim seus companheiros irão ajudá-lo se necessário. Mesmo porque Harry é muito sensível à presença dos Dementadores, o que transmite boa parte da responsabilidade do conflito para Rony Weasley e Hermione Granger. Por conta da presença dos novos personagens, "Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban" até permite que se jogue desafios entre dois jogadores, além de permitir que eles se engajem em sub-cruzadas, até com um pouco de licença poética dentro do universo da série, dentro da trama principal do terceiro jogo. [title]Desenvolvimento gráfico[/title] Depois das críticas feitas quanto à unidade dos gráficos da série, "Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban" é sólido tanto nos detalhes quanto no aspecto geral. Quando em combate, os ataques mágicos mais básicos de Harry ganharam riqueza em texturas, cores e efeitos, e esse desenvolvimento é uma constante a ser percebida durante a aventura. A primeira aparição dos Dementadores também é digna de nota, uma vez que seu visual é muito mais maduro e assustador que cartunesco, o que poderia ser comum em um jogo focado em um público mais jovem. Suspensos no ar, planando com suas fantasmagóricas vestimentas de panos pretos, a imagem criada para o jogo corresponde e até supera as expectativas daqueles que conhecem a história a cada investida dos guardiões de Azkaban. Misturado aos gráficos sólidos, a jogabilidade colabora para um bom desenrolar da aventura. Mais uma vez dividido sob a lógica exploração/quebra-cabeça/combate, a trama vai se revelando aos poucos, o que garante longevidade ao título e mantém a tensão necessária para quem joga. [title]CONSIDERA????ES[/title] Para aqueles que acompanham a saga de Harry Potter nos livros, no cinema e nos videogames, como para aqueles interessados em diversão com desafio, "Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban" definitivamente é um título que merece alguma atenção, já que se mostra um desenvolvimento dentro do trabalho feito pela desenvolvedora Electronic Arts desde o primeiro jogo, consistente, que pode mudar a impressão daqueles que acham que bons livros e filmes não conseguem transmitir a mesma emoção nos videogames. [img]hide:aHR0cDovLzIuYnAuYmxvZ3Nwb3QuY29tL183T1N5SEhXY2ZlZy9TZUYwSjhlSFA5SS9BQUFBQUFBQUNHQS9GWDYwOGo1UGFwMC9zNDAwL0hhcnJ5K1BvdHRlcithbmQrdGhlK1ByaXNvbmVyK29mK0F6a2FiYW4rKFBDKSshISEuSlBH[/img]
Fonte: Uol Jogos
marped
Enviado por marped
Membro desde
Niterói, Rio de Janeiro, Brasil
label