.
7.6

Análise do jogo "Just Cause" para PC escrito por GameVicio

Escrito por GameVicio, nota 7.6 de 10, enviado por GameVicio,
[I]???Variedade de movimentos em uma ilha paradisíaca???[/I] Quando lembramos de um jogo de tiro que se passa em ilha, logo nos vêm à cabeça, o FPS [GAME=52]Far Cry[/GAME]. Mas estamos falando de Just Cause, um jogo de ação e aventura que acontece na nação-ilha de San Esperito ??? uma Cuba sugestiva. [TITLE]Plano de fundo[/TITLE] San Esperito é uma nação com sistema de regime muito rígido e instável, o presidente Mendonza ficou sob vigilância do Departamento de Defesa americano quando tentou comprar urânio enriquecido no mercado negro com o pretexto de tornar San Esperito auto-suficiente em energia, todavia há indícios de que seria usado na fabricação de armas de destruição em massa. O jogador controla Rico, um sujeito altamente treinado que obedece as ordens sem questionar e que está disposto a tudo para tornar San Esperito uma nação melhor. [TITLE]Ambiente gigantesco[/TITLE] San Esperito não é tão pequena assim e está inteiramente disponível para o jogador explorar, algo em torno de 1 mil quilômetros quadrados ??? parece pouco, mas certamente o jogador vai se surpreender com a imensidão. Dificilmente você terá paciência de tentar chegar a pé a um destino, isto demorará muitos minutos. A solução é usar veículos terrestres, aquáticos e aéreos. Um mini-mapa fica disponível no canto superior direito da tela exibindo a região em que você está. San Esperito possui rodovias, mas principalmente estradas de terra que cortam toda a ilha e deixam o jogador perdido propositalmente. Para contribuir com as dificuldades o cenário abriga montanhas, florestas, lagos obrigando o jogador a improvisar os meios de chegar a um destino. Mas nem tudo está perdido. Se você não estiver envolvido em nenhum combate, pode ativar a opção ???Extraction??? em seu PDA e solicitar uma carona da agência para uma das várias casas seguras e abreviar as longas distâncias. [TITLE]Jogabilidade[/TITLE] Just Cause impressiona nos primeiros segundos de jogo quando Rico desce à ilha de pára-quedas com interação total, só faltou a presença de ventos para ajudar ou prejudicar seus vôos. O jogador pousa na areia e poderá correr e saltar livremente pelo cenário. A sua próxima experiência é com veículos equipados com metralhadoras ??? Rico pode dirigir, entrar como passageiro ou controlar a metralhadora montada (quando houver). Roubar veículos já é comum em vários jogos e em Just Cause não é diferente, basta conseguir que o motorista pare o carro antes de te atropelar. Os demais tipos de veículos são gradativamente sendo disponibilizados ao longo das missões. Torna-se impressionante a combinação de movimentos realizáveis: você está voando em um helicóptero, salta, libera o pára-quedas, pousa no teto de uma caminhoneta na auto-estrada, continua no teto até ver que o motorista tomará outro caminho, controla o veículo jogando o motorista para fora e alcança seu destino. O grupo de controle se divide em quatro grandes variações acordo com o tipo de ação: andando em terra, dentro de um veículo, queda livre e nado. Por isso, assusta consultar a tabela de comando e ver tantas funções atribuídas a uma mesma tecla; mas entra em ação o sistema de aviso que notifica o usuário das ações e seus respectivos botões no momento. Outra novidade é uma espécie de gancho que pode ser lançado em veículos, o gancho é preso a uma corda que te puxará permitindo planar com o pára-quedas. [TITLE]Animações pausadas[/TITLE] Antes de cada nova missão, Rico recebe um resumo da missão acompanhado de uma animação cuja qualidade visual é satisfatória, no entanto a taxa de quadros é reduzida ??? isto é, a animação apresenta pequenas pausas perceptíveis que acabam incomodando o jogador. Não deve ser por falta de espaço, pois o jogo exige quase 6 GB de espaço livre para instalação dos arquivos. [TITLE]Fugindo da realidade[/TITLE] Deixando de lado o esquema de ser morto por poucos tiros, Rico pode receber muito chumbo e continuar na ativa. E boa parte das vezes que sua saúde está baixa, matar um dos inimigos em combate lhe recompensará com um item de saúde. Engana-se quem pensa que o joga torna-se fácil devido ao personagem suportar mais danos; um atropelamento ou uma queda de uma altura acentuada poderá lhe custar a vida assim como na realidade. Acontece que mesmo com o auxílio de membros da resistência, a proporção de inimigos é muito grande. [TITLE]Casas seguras[/TITLE] O conceito das safehouses também não é novidade. Servem não só para o jogador ser ???teletransportado???, mas também contém garagens para você guardar um veículo e usá-lo posteriormente, locais de salvamento, recuperação de saúde e reabastecimento de munição. [TITLE]Gráficos[/TITLE] Embora o molde visual do cenário seja usado para prolongar a vastidão da ilha, o jogador dificilmente fica com a impressão de que já viu este trecho do cenário em outro lugar. Os veículos são simples e as explosões insignificantes. Como um carregamento serve para explorar toda a ilha, não há muito do que reclamar. O modelo dos personagens durante as animações poderia ser mais real. As edificações possuem uma textura simples e infelizmente o personagem não pode entrar para explorar os interiores. [TITLE]Política e guerrilha[/TITLE] A ilha se divide em várias províncias com um status políticos que normalmente encontra-se instável. Através do PDA é possível obter mais detalhes, além da localização de missões secundárias. [TITLE]Som[/TITLE] Os diálogos misturam o idioma inglês com o espanhol, tanto que a chamada para o jogo é ???Viva la Revolución???. As músicas de fundo também são latinas e estimulantes à apreciação da paisagem, batidas fantásticas de um violão recorda filmes como A Balada do Pistoleiro e Era Uma Vez no México; tornam-se mais intensas em combates. [TITLE]Veredicto[/TITLE] Just Cause é um belo jogo para os jogadores que buscam liberdade de movimento e exploração. As missões paralelas estendem o jogo mesmo após o cumprimento das 20 missões principais. Sons e gráficos satisfatórios pecando apenas nas animações.
Fonte: GameVicio
GameVicio
Enviado por GameVicio
Membro desde
31 anos, Curitiba
label