.
8

Análise do jogo "Empire Earth III" para PC escrito por GameVicio

Escrito por GameVicio, nota 8 de 10, enviado por demolidor326,
[i]"Conquiste e domine o mundo conquistando províncias e ganhe todo o império do planeta desde a pré historia ao tempo espacial"[/i] [title]Do Que Se Trata?[/title] Em Empire Earth 3, o destaque deste jogo é a questão das épocas que evoluem à medida que joga. De estilo estratégico bem diferente de outros games de estratégia e RTS. Há dois modos no game, um é o modo [u]Word Domination[/u] (Dominação do Mundo) em que o jogador pode dominar o mundo ganhando províncias, e o outro é perfeito para jogadores que preferem ataque sob ataque. [title]Evolução do Mundo[/title] No terceiro jogo da franquia há também a evolução do planeta em que começa no tempo antigo indo até o futuro, e todo o ambiente do game vai mudando como os soldados, construtores, casas etc. [title]Construtores[/title] Os construtores servem para construir unidades militares, casas e trabalhar em busca de ouro e madeira, que ajudam a ganhar matéria prima para conseguir guerreiros e províncias, e o dinheiro que é ganho depende do número de casas e construtores para aumentar. [title]Civilizações[/title] Os povos vivem no jogo em três culturas às do Extremo Oriente, Oriente Médio e a do Ocidente, cada uma delas tem unidades diferentes, guerreiro, e tecnologia, e seus pontos fortes. [title]Eras[/title] O terceiro jogo da franquia agora só tem apenas 5 eras: a [u]Antiga[/u], a [u]Medieval[/u], a [u]Colonial[/u], a [u]Moderna[/u] e a [u]Futura[/u]. Para avançar às eras, o jogador terá que pagar um custo de tecnologia, riquezas e matérias-primas. [title]Unidades[/title] Há três unidades no jogo: a [u]infantaria[/u], a de [u]longa distância[/u] e as [u]especiais[/u]. Com um exército com essas três unidades poderá ser bem difícil do jogador perder a batalha, contando com a inteligência artificial (IA) que melhorou bastante durante os primeiros jogos. [title]Estratégia[/title] [b]* Ataque:[/b] Para se realizar um ataque o jogador poderá usar diversos recursos para a batalha como cavaleiros, arqueiros, catapultas - que são bem úteis para destruir as unidades inimigas - e vários soldados, porém o total de guerreiros que o mesmo poderá levar para a batalha será o total de 300 guerreiros. [b]* Defesa:[/b] Em questão de defesa, o jogador poderá construir em sua civilização vários argumentos para defender sua província como muralhas, torres e, seria muito úteis, os arqueiros de vigia. Para isso, é claro, terá que constar dinheiro como riqueza e matéria-prima, e ter uma cidade central que gere riqueza para sua civilização. [b]* Aliar-se:[/b] Em termos difíceis como riqueza e matéria-prima reduzida, a província inimiga poderá te atacar e ganhar a batalha facilmente. Por isso, o jogador pode se aliar temporariamente a alguma outra província na fase oferecendo tributos, matéria-prima e riqueza, assim o seu aliado até poderá lhe ajudar na batalha, tornando a missão mais fácil. [title]Gráficos[/title] Os gráficos do terceiro jogo evoluiu muito desde o primeiro, mais também tem seu grau de deficiência, como exemplo, quando o jogador dar um zoom na câmera nota-se uma redução nos gráficos. O ambiente também tem suas eficiências como o mar e a ventania, casas sendo destruídas, mas para um jogo de estratégia são gráficos bons. [title]Semelhanças[/title] O jogo é bem semelhante há Rise of Nations, Sid Meier's Civilization e Age Of Mythology, por se dominar o mundo e recursos como riqueza e matéria-prima. [title]Jogabilidade[/title] A jogabilidade desse jogo não é bem emocionante por ser um meio lento, como as tropas se deslocando de um lugar para outro e salves automáticos que fazem reduzir a velocidade. [title]Inteligência Artificial (IA)[/title] A inteligência artificial melhorou, mas existe no jogo, por exemplo, personagens que muitas vezes ficam atrapalhados e perdidos na batalha. Entretanto, o destaque é toda vez que eles verem um inimigo o jogador não precisa ordenar para atacar, pois o próprio exércita ataca automaticamente. [title]Som[/title] O som do jogo como a voz dos personagens não estão alucinantes, porém o que dar mais destaque é o som do barulho das pegadas, as músicas na hora do combate, os construtores elaborando casas e, além do som da chuva. [title]Destaque[/title] Como já foi dito o destaque desse game são os avanços tecnológicos que cria mais interesse no jogo, e não o deixando sempre com a mesma coisa, pois evoluem os personagens, unidades, armamentos e o ambiente. [title]Conclusão[/title] O jogo é excelente apesar de deficiências em gráficos e jogabilidade. A história é bem definida em termos de dominar províncias, impérios, o mundo inteiro. Os modos de jogo também são ótimos, e a realidade, não em termos de gráficos, mas numa simulação de como era guerras no tempo antigo, no de hoje e no futuro.
Fonte: GameVicio
demolidor326
Enviado por demolidor326
Membro desde
21 anos, Ribeirão Preto SP
label