GameVicio Entretenimento: GameVicio | FlashVicio | Hhide.ME | ClubVicio | Fórum | Flow | MovieVicio

Review de Muramasa: The Demon Blade para Wii de E-Zine/MyGames

por Anônimo, fonte E-Zine/MyGames, data  editar remover




A criadora do conhecido Odin Sphere, Vanillaware, volta à carga desta vez na Wii com um título bastante ambicioso e com muito potêncial. A companhia lançou então este ano o título Muramasa: The Demon Blade, um jogo de acção e plataformas que nos leva à era Genroku liderada pelo shogun Tokugawa na ilha do Japão.

A permissa gira à volta de duas personagens, Kisuke, um rapaz que dá a sua vida para salvar a rapariga que ama, mas que após o sucedido, acorda com vida sem qualquer memória do seu passado, e Momohime, uma rapariga introvertida controlada pelo espírito de espadachim lendário de nome Jinkuro.

Muramasa: The Demon Blade pode ser jogado de várias formas, com o Wii Mote e o Nunchuk da Wii, com o Classic Controller, ou com um comando da Gamecube, sendo estes dois últimos os mais aconselháveis para o feito. Em Muramasa: The Demon Blade iremos percorrer o mundo ao bom estilo de Metroid, desbloqueando zonas e items cruciais para a progressão do jogo, ao derrotar bosses.
Iremos escolher entre Kisuke e Momohime para percorrer estes cenários do Japão na era feudal, e eliminar os inimigos que se atravessarem no nosso caminho com um número variado espadas que iremos desbloquear.



As zonas de Muramasa: The Demon Blade são percorridas ao bom estilo 2D com plataformas e combate à mistura, é possível subir às árvores para apanhar items, ou falar com as personagens que surgem pelo caminho. Por vezes vão surgir barreiras que necessitam de ser destruídas para avançarmos, e é aí que apanhar uma nova espada entra em acção. Frequentemente a acção para momentaneamente para dar lugar ao combate com os vários inimigos inspirados no folclore japonês e é nessa altura que o combate se inicia



Durante os combates podem dar uso a dois tipos de ataque directo, cada um dando uso às habilidades místicas da espada seleccionada, estas espadas, irão ficar menos resistentes ao longo do tempo, especialmente quando somos afectados por um golpe físico, podendo até partir-se. Claro que é possível mudar de espada durante os combates, e caso tenham energia para isso, o simples trocar desencadeia um golpe poderoso que pode derrubar vários inimigos. No final de cada combate somos medidos em mestria e eficácia tendo em conta o dano sofrido, velocidade e até o número de combos seguidos.

A apresentação é provavelmente o ponto mais alto de Muramasa: The Demon Blade, que com um desempenho visual engenhoso e uma banda sonora de música típica japonesa consegue destacar-se sem dúvida. Os cenários são ricos e bastante inovadores na sua maioria, bem como as personagens que demonstram um bom detalhe em todos os aspectos. Os efeitos visuais cumprem o seu papel sem nada de novo, mas não atrapalham nem enfatizam a jogabilidade. A sonoplastia é igualmente deslumbrante, com a sua banda sonora bem escolhida e os efeitos sonoros bem conseguidos, nenhum nível ou fase parecem incompletos ou aborrecidos.

Quanto à longevidade, sem dúvida que Muramasa: The Demon Blade é um bom aproveitar do estilo típico da série Metroid, ou dos Castlevania lançados no antigo GameBoy Advance, oferecendo largas horas de exploração e muitos inimigos para testar todos os movimentos de cada nova espada. Juntem duas personagens distintas e já sabem que têm aqui muitas horas de jogo.

Muramasa: The Demon Blade é sem dúvida uma boa aposta para os que procuram um jogo de acção, aventura e plataformas de grande qualidade e com um sentimento de nostalgia. Sem dúvida que a Artwork é do mais impressionante que se viu nos últimos tempos, mas se gostam de jogos mais exigentes então Muramasa: The Demon Blade é um exclusivo Wii a não perder.


Nenhum comentário

||
E-Zine/MyGames
86/ 100
Média da crítica
Média dos usuários
Sua nota

Sobre o colaborador

avatar de Anônimo

Reviews da crítica

8.1 / 10
GameVicio
9 / 10
Eurogamer
4 / 5
Gamerview

Tópicos relacionados

©2016 GameVicio