GameVicio Entretenimento: GameVicio | FlashVicio | Hhide.ME | ClubVicio | Fórum | Flow | MovieVicio

Review de The King of Fighters 2006 para PS2 de Portal dos Games

por Anônimo, fonte Portal dos Games, data  editar remover


A SNK Playmore pode ter perdido a primeira rodada tentando trazer sua serie King of Fighters em 3D, mas aqui vem o retorno. Enquanto KOF 2006 não faz muito mais que não tenha sido feito antes em outros jogos de luta 2D e 3D, ele traz uma enorme quantidade de lutadores com aproximadamente 40 personagens diferentes, incluindo um monte de lutadores intrancáveis que os fãs do SNK há muito tempo deveriam ter banido. E enquanto não tem um jogo on-line, ele tem um número substancial de desafios para mantê-lo ocupado e oferecer alguma diversão.

Confira os fatos!

Aqueles que acompanham a série King of Fighters notarão rapidamente que esta versão é o primeiro jogo em 3D a absorver a convenção do próprio nome da serie, que tem sido usado somente nos jogos da serie 3D até agora. Isto significa que o King of Fighters 2D é morto e parado? Não necessariamente, desde que este é o mesmo jogo que o Japonês King of Fighters: Maximum Impact 2. Mais importante, entretanto, é que o KOF 2006 é um jogo sólido que pelo menos acompanha os outros títulos recentes da série. E é mais parecido com o King of Fighters em 2D do que jogos de luta em 3D como Tekken ou Virtua Fighter, então de muitas formas ele se mantém fiel ao root da serie. No geral parece diferente, e o visual 3D, mesmo não estonteante, é bom na maioria dos casos.

KOF 2006 não é drasticamente diferente de Maximum Impact, apesar de adicionar um material significativo. Traz todos os últimos personagens do primeiro jogo, incluindo veteranos do King of Fighters como Iori e Kyo, assim como originais do Maximum Impact como os irmãos Meira e Duke, os principais vilões do jogo anterior que se uniram à linha inicial desta rodada. Vários novos personagens são adicionados em primeiro plano, notadamente incluí-se o lutador de bastão Billy Kane e o amante de lançamento de gelo Kula Diamond. E há ainda lutadores ocultos ??? um monte deles. E, na maioria das vezes, eles são apenas versões dos lutadores principais, mas personagens completamente diferentes. Eles incluem os favoritos da SNK como Kim Kaphwan e Geese Howard, mais algumas adições surpreendentes como Fio da série Metal Slug e Hanzo Hattori de Samurai Shodown, e personagens ainda mais obscuros como Richard Myer do original Fatal Fury, e a irmã de Billy, Lily Kane. Todos os lutadores no jogo têm muitos trajes diferentes e coloridos, e alguns são realmente selvagens. Então, com quase 40 lutadores no total do jogo, cada um com combinações únicas, movimentos especiais, e super movimentos, mais um monte de trajes, estágio e assim por diante, há certamente muitas coisas no KOF 2006, para um jogo de luta.

Você pode destravar inicialmente todos os lutadores ocultos seja jogando através do modo história com personagens diferentes ou por completar uma série intitulada de ???missões fáceis???, que desafiam você a derrotar oponentes populares por usar movimentos específicos ou por superar certas penalidades. Estes são progressivamente novas táticas de luta disponíveis para todos os personagens. As missões tendem a provocar adicção ao jogo, especialmente se o jogador destravar novos conteúdos conforme vai seguindo.E uma vez que você completa as 100 missões fáceis, você pode seguir para as ???missões difíceis??? para alguma punição real.

O jogo também traz algumas missões extras, com as quais há níveis de bônus que se estendem desde descartar um veiculo utilitário esportivo como no estágio de bônus do velho Street Fighter II, até conquistar o tanque de Metal Slug em um único combate. De novo, há desvios interessantes que ajudarão a dar longevidade ao jogo na modalidade singleplayer. Há também o que é chamado de ???tarefa de sobrevivência???, que é como um modo típico de sobrevivência exceto que você pode escolher, entre fases, onde gastar alguns pontos que você ganha, tais como completar a sua saúde ou aumentar seu poder de ataque.

O sistema básico de combate é bom, mas nada extraordinário. Não há ainda luta três-a-três baseada em equipe, apenas sua baderna básica um-a-um. ?? possível, e relativamente fácil, combinar leves e fortes socos e chutes com movimentos especiais e super movimentos para formar combinações altamente danificadoras. A ação tem movimento rápido, então um certo estilo agressivo de jogar é definitivamente favorecido, especialmente desde que é possível quebrar a defesa de um oponente que se mantém bloqueando, e seu medidor de supermovimento se carrega muito rapido também. Você pode realizar passos laterais e giros evasivos para trás e para frente para evitar ataques projetáveis e manter seu oponente adivinhando, e se você bater seu inimigo na grama, pode manter chutando-o enquanto ele está no chão. Apesar dos números que representam os lutadores no jogo, a vasta maioria dele parece ser bastante poderosos e versáteis. As lutas acontecem em arenas fechadas e quadradas, e se você conseguir alfinetar seu oponente contra uma parede, será fácil derrotá-lo. Para isso basta apenas apertar os botões e ver um movimento elaborado acontecer, mas o jogo recompensa o exercício de habilidades e também precisão. Os controles são justos e responsáveis; movimentos relativamente complicados como o Geeses Razing Storm pode ser realizado facilmente no controle do PS2.

A inteligência artificial do jogo é muito boa também. Seu inimigo utilizará combinações poderosas e atiradas em você em estágios elevados, e conforme você destrava mais jogadores, você também os enfrentará mais adiante. O modo história é apenas um modo arcado de oito batalhas diretas, entretanto, é uma pena que não haja final especifico para nenhum personagem. Claro, que há também um modo contra um amigo. As batalhas com tantas variedades de personagens podem fazer uma boa, e amigável ação de dois jogadores.

KOF 2006 tem uma apresentação modesta, mas respeitável. Alguns dos personagens ainda não têm todo o charme e personalidade de suas cópias 2D, mas as mais novas adições a seus rosters parecem bem legais. Algumas das animações do jogo são antes rijas, como você pode dizer da tentativa deles de imitar o estilo 2D dos jogos King of Fighters precedentes, mas os personagens e seus movimentos são reconhecíveis, e alguns dos ataques são bastante iluminados. O jogo corre suavemente no geral. No que diz respeito ao áudio, o melhor é que a SNK adicionou a opção de idioma japonês, permitindo que você ouça todos os personagens conforme você está acostumado provavelmente a ouvi-los em outros jogos de luta da SNK. A trilha na língua inglesa ainda está lá, e agora é antes uma opção do que uma regra é legal tê-la. Os efeitos sonoros do jogo são bons, mas a maior parte das musicas não é especial, com a possível exceção de uma ótima, mas breve faixa dançante no menu principal.

A presença de tantos personagens de jogos de luta clássicos no roster é realmente a melhor coisa do KOF 2006, que de outra forma é um competente jogo de luta em estilo 2D feito em 3D. Os fãs do King of Fighters deveriam dar uma chance a este jogo, especialmente se eles têm alguns amigos que pensam igual para jogar com eles.


Nenhum comentário

||
Portal dos Games
7.2/ 10
Média da crítica
Média dos usuários
Sua nota

Sobre o colaborador

avatar de Anônimo
©2016 GameVicio