GameVicio Entretenimento: GameVicio | FlashVicio | Hhide.ME | ClubVicio | Fórum | Flow | MovieVicio

Review de Super Mario Galaxy 2 para Wii de Outer Space

por Anônimo, fonte Outer Space, data  editar remover


?? verdade que não dá para se cansar de Mario. Super Mario World, Mario Kart, Mario Tennis, Mario Golf, aquela piada de onde está o Mario - enfim, tudo sobre o simpático encanador bigodudo tem um efeito nos gamers que desperta entusiasmo e familiaridade. Ainda assim, quando vemos a proliferação de jogos deste icônico personagem no Wii, incomoda a exploração intensa de sua imagem, principalmente com uma chegada relativamente adiantada de um Super Mario Galaxy 2.

Mas esse incômodo não demora passar quando jogamos SMG 2 e descobrimos que o sucesso de Mario não se deve a uma boa campanha de marketing, tampouco do seu boné vermelho. O real motivo de que o personagem é uma galinha de ovos de ouro da Nintendo é a criatividade e a qualidade dos seus jogos, que sem dúvida são vídeogames em sua forma mais autêntica.

Como sempre, Mario

Como é de praxe, a aventura começa com uma festa no Reino dos Cogumelos que é interrompida pela presença inconveniente de Bowser, mais uma vez sequestrando a Princesa e obrigando Mario, nosso protagonista bigodudo, a se envolver em uma longa aventura para resgata-la. No caminho, Mario conta com a ajuda das Lumas, que são algo como uma estrela ainda mais "miguxa".

Não dá pra procurar a razão ou profundidade de enredo em um jogo no qual o principal personagem é um encanador italiano que tem como maior inimigo uma tartaruga mutante - que sempre seqüestra a tal princesa. Mas os jogadores que entrarem no clima da história (ou simplesmente superarem esse assunto) poderão ter a chance de se entreter com outro quesito recorrente na série: a genialidade da jogabilidade. Assim como no primeiro Super Mario Galaxy, aqui Shigeru Miyamoto aproveitou as possibilidades do controle do Wii para criar fases envolventes.

Velhas mecânicas estão de volta, desde os sistemas básicos de gravidade dos planetas até aquelas estrelas azuis que carregam Mario pelo espaço. Mas existe muita coisa diferente, como power ups que deixam Mario feito de pedra e capaz de rolar para quebrar objetos, ou dão a ele a capacidade de criar plataformas feitas de nuvem no ar, entre muitos outros.

Uma das novidades mais legais é a volta de Yoshi. O dinossauro companheiro de Mario traz uma variação enorme para a jogabilidade, com suas habilidades diferenciadas, como a sua língua que pode engolir inimigos ou pegar objetos e que é controlada pela mira do Wii Remote da mesma forma que se coleta Star Bits. Além disso, existem power ups específicos quando ele engole certos tipos de planta, com destaque para o que o deixa inflável.

Quando Yoshi entra em cena, a sensação do jogador é a mesma de começar a jogar outro jogo, mas, além dele, outro personagem verde que volta é Luigi. Ele, aqui, tem um papel mais significativo que no primeiro Super Mario Galaxy, podendo ser usado como personagem jogador em certos momentos. Não chega a ser um Super Luigi Galaxy, mas os fãs do eterno player 2 poderão se contentar com sua presença.

Mais criatividade

Se existe um ponto incontestável em Super Mario Galaxy 2 é a genialidade de suas fases. Depois de jogar o primeiro SMG, a impressão era de que tudo que poderia se fazer havia sido feito ali, algo prontamente desmentido logo nas primeiras fases do novo jogo. ?? simplesmente impressionante ver que, mesmo com os mesmos elementos usados no antecessor, as fases aqui conseguem dar gosto de novidade para algo teoricamente já visto.

No jogo, Mario está a bordo de uma nave que é literalmente a sua cara. Nela, o jogador navega pela galáxias que funcionam de forma semelhante aos mundos presentes em praticamente toda a série. Cada galáxia contém algumas fases e, em cada uma o jogador coleta estrelas que servem como combustível para a nave-mario, possibilitando que ele chegue em novas fases.

Como era de se esperar, normalmente é preciso voltar em algumas fases caso tenha-se a vontade de pegar todas as estrelas de cada uma, mas geralmente esse retorno envolve também novos caminhos e uso de jogabilidade diferenciada. Logo, nunca fica repetitivo ou complicado, mesmo nas últimas fases, que têm nível de dificuldade bem respeitável.

Dentro de cada fase, geralmente a ação é em 3D envolvendo o uso da gravidade de alguma forma, mas existem momentos em que tudo fica restrito a uma espécie de 2D, que além de ser nostálgico, varia a jogabilidade de forma agradável.

E um destaque à parte está nas batalhas contra os chefões. Como sempre, cabe ao jogador descobrir uma vulnerabilidade para derrotá-los, mas dessa vez o desafio é quase sempre maior e mais complexo, exigindo pouco mais, porém dando uma sensação de recompensa ainda maior ao fim dos confrontos.

Como ponto "negativo" na jogabilidade está a possibilidade de jogar com uma outra pessoa como "ajudante". Essa pessoa controla a mira do Wii Remote e captura star bits, moedas e alguns itens para o Mario. ?? realmente algo tedioso que provavelmente será desconsiderado pela maior parte dos jogadores, mas vale uma menção honrosa a um dos poucos momentos em que este jogo decepciona.



Apesar de ser um jogo excelente, falta em Super Mario Galaxy 2 o impacto do primeiro jogo, que impressionou pelas mecânicas inéditas e um cenário muito original. Mas se algumas mecânicas aqui não são inéditas, o mesmo não pode ser dito da criatividade: cada fase de Galaxy 2 é tão envolvente e inovadora que é bem justo jogá-las mais de uma vez para juntar mais e mais estrelas. A presença de Yoshi é uma das melhores novidades, já que tão logo entra em cena, o dinossauro verde muda bastante a jogabilidade. Enfim, mais uma obra-prima da Nintendo envolvendo seu personagem número um.

Prós Contras
- Design das fases é excelente;
- Jogabilidade ótima;
- Nível de desafio respeitável em alguns momentos. - Não tem o mesmo impacto do primeiro jogo;
- Modo de dois jogadores simultâneos é besteira.


Nenhum comentário

comments powered by Disqus
Outer Space
9/ 10
Média da crítica
Média dos usuários
Sua nota

Sobre o colaborador

avatar de Anônimo

Reviews da crítica

©2016 GameVicio