GameVicio Entretenimento: GameVicio | FlashVicio | Hhide.ME | ClubVicio | Fórum | Flow | MovieVicio

Review de Medal of Honor (2010) para PC de GameVicio

por Geinrendour, data  editar remover


"Quando a EA demonstrou que faria de Medal of Honor uma experiência cinematográfica, eles não estavam brincando...

...pois o jogo é um filme com menos de três horas de duração.???


A aventura que se estende pelo território afegão, dá-se início com a equipe Tier 1 (ou Nível 1 para os que gostam de nacionalizar as coisas) adentrando a área inimiga à procura de um informante local, cuja guerra não consegue mais suportar, e segue através de um enredo cliché do início ao fim.


Ao longo do cumprimento das suas missões, dois soldados acabam ficando para trás e (adivinhe?) os seus amigos ignoram ordens superiores e vão em busca de resgatar os seus companheiros (como é o nome do filme? Ah "Atrás das Linhas Inimigas" ou talvez "O Resgate do Soldado Ryan"?). Em meio a isso "surpresas" acontecem até que finalmente todos se encontram, e no final (ao menos isso foi inusitado) um soldado morre. Com a EA/Danger Close, deixando aquele gostinho de "vem continuação por ai".

O jogo não chega a ser ruim, pelo contrário a adição do deslizar quando você está correndo, que é usado para você se proteger atrás de algum objeto, foi uma boa sacada. Ou talvez apenas uma ideia da Danger Close, inspirada no título Mirror's Edge da DICE, que acabou por trazer uma maior sensação de realidade ao Medalha de Honra.
Entretanto, o resto, o mais do mesmo, você já conhece.

A experiência em ação durante Medal of Honor é boa. Ou mais precisamente a formula "Modern Warfare", como o arrombar de portas em simultâneo com a cada vez mais famosa, câmera lenta, assim como clássicos, como o derrubar de helicópteros com você dentro, são utilizados sem dó nem piedade.


A Danger Close até teve algumas ideias originais, como o telhado caindo quando você está nele ou um prisioneiro amarrado com uma bomba em uma cadeira, que por usa vez, é empurrada por um membro da sua equipe.

Contudo ai entra a "espetacular" ação cinematográfica. Exatamente porque você só assiste o desenrolar dos acontecimentos, mas não tem envolvimento algum com as manobras em si. A pergunta que fica, para você jogador e para a Eletronics Arts é:

Você compra um jogo, para jogá-lo ou assisti-lo?

Os gráficos são provenientes da já velha Unreal Engine 3, logo você já sabe o que esperar. Alguns reflexos de luz bonitos na água, e dependendo do ambiente, um cenário de plástico, totalmente sem vida. As armas são razoavelmente bem detalhadas, dependendo da qual você têm em mãos. O som foi um aspecto muito bem trabalhado, abusando de tudo o que Hollywood tem de melhor a oferecer.

Mas vale ressaltar que a produtora deu uma boa caprichada nas antigas, porém geralmente mal usadas, visão noturna e térmica, opcionais em todos os jogos do gênero, contudo mal aproveitados, pois mesmo no escuro você tem olhos de águia. O que não existe no MoH, pois em algumas situações, eles realmente se fazem necessário. Ponto para a Danger Close.


Deixando o a campanha solo de lado, temos o multijogador produzido pela DICE, trabalhado com o seu próprio motor gráfico, a Frosbite, que entrega gráficos mais belos e efeitos precisos juntos a uma iluminação impecável, diferente do que ocorreu no singleplayer com a UE3. Mas não pense que esse componente faz desse jogo algo espetacular, pois não é o caso.

Como qualquer um que já jogou partidas online dos games Modern Warfare e Bad Company 2, nota-se claramente o misto de ambos, dessa que é parte indispensável e usada como critério absoluto de muitos gamers, na hora de torrar o seu dinheiro em um shooter. Não se pode dizer que é ruim, pois de fato não é, mas não traz nada novo e com pouco de tempo promete se tornar enjoativo.

Comentários Finais

Pode-se dizer que Medal of Honor é um jogo interessante, mas não cumpre as expectativas que foram criadas sobre ele. Uma campanha solo curta e extremamente fácil mesmo na maior dificuldade, com um multijogador que transmite mais do que você já cansou de ver.

Caso você queira jogar um tempo fora terá um bom passatempo, só não espere que esse shooter esteja acima da média, nesse nicho que é tão e cada vez mais explorado.


Nenhum comentário

comments powered by Disqus
GameVicio
7/ 10
Média da crítica
Média dos usuários
Sua nota

Sobre o colaborador

avatar de Geinrendour

Reviews da crítica

©2016 GameVicio