GameVicio Entretenimento: GameVicio | FlashVicio | Hhide.ME | ClubVicio | Fórum | Flow | MovieVicio

Review de Need for Speed: SHIFT para PC de E-Zine/MyGames

por Giordano Trabach, fonte E-Zine/MyGames, data  editar remover


A série Need For Speed é uma das mais conceituadas franchises de condução do mundo dos videojogos, e depois de uma constante mudança de estilo ao longo destes anos, voltamos a ver um Need For Speed mais concentrado na fórmula original, agora com o nome Need For Speed Shift. Desta vez não iremos voltar a ver perseguições policiais ou personalizações dos veículos ao bom estilo Tunning, voltando apenas à vertente de simulação.

O modo principal de Need For Speed Shift, de nome Career, irá levar-nos para o mundo da competição com vários géneros de corrida para no fim chegar ao Need For Speed World Tour. Dentro dos vários géneros iremos encontrar modos como uma simples corrida, um duelo contra outro carro, uma corrida drift ou até um contra-relógio. Durante a nossa progressão pelo jogo, iremos criar um perfil de piloto de acordo com a nossa maneira de conduzir, podendo ser um perfil que varia desde o agressivo ao conservador, e de acordo com este perfil iremos desbloquear corridas especiais adaptadas ao nosso estilo de condução.

Em cada corrida iremos receber pontos por fazer praticamente qualquer acção, podendo ser estas acções uma ultrapassagem limpa ou a ultrapassagem um piloto rival, e no final iremos ser galardoado com um número de estrelas derivado dos pontos que recebemos. Com estes pontos podemos desbloquear Tiers que nos dão acesso a mais carros, os quais podemos comprar e personalizar. Need For Speed Shift possui 72 carros licenciados, contando com grandes marcas que variam desde o extremamente rápido Pagani Zonda até a um Chevrolet Camaro, bem como uma mistura de pistas reais e fictícias.

A jogabilidade encontra-se consistente, mas longe de uma perfeita simulação de carros devido a uma mecânica um pouco arcade. Um dos pontos positivos é o facto de cada carro ter a sua própria atitude dentro da pista. Desta forma iremos habituar o nosso estilo e aproveitar os pontos altos de cada carro para ter sucesso nas corridas. Infelizmente, a falta de tutorial para o modo Drift poderá frustrar alguns jogadores menos experientes neste modo de corrida. O grafismo em Need For Speed Shift encontra-se soberbo, com os veículos muito bem detalhados, um sentimento de velocidade extremamente realista e as pistas bem pormenorizadas. Um dos pontos altos na apresentação é o sistema de navegação dentro do cockpit. Sempre que atingimos uma velocidade alta, o cockpit fica com um efeito desfocado, como se o piloto tivesse aumentado a sua concentração no caminho que está a executar. A visão do jogador dentro do veículo abana ligeiramente para simular os movimentos físicos e reais da cabeça do piloto, e sempre que embatemos contra algum muro ou carro em alta velocidade, o ecrã abana e fica completamente desfocado, como se o piloto estivesse a recuperar o fôlego depois de um acidente forte.

Apesar deste grau de realismo bem acima da média, o sistema de danos dos veículos encontra-se sem nada de novo no género, estando mesmo ligeiramente abaixo do que já foi visto até agora. Podemos verificar danos físicos na carroçaria do veículo sem o destruir por completo, ou sem rodas ou portas a sair pelo caminho. Obviamente que qualquer colisão com outros carros ou com muros irão ter efeitos secundários no manuseamento do nosso bólide, alterando a sua velocidade, linha de condução e qualquer sistema interno do veículo. A sonoplastia é outro ponto alto de Need For Speed Shift, enfatizando o realismo deste jogo para um nível superior. Todos os efeitos sonoros encontram-se convincentes, desde o barulho dos motores dos carros até aos efeitos sonoros dos pneus a derraparem no asfalto.

O modo multiplayer irá juntar até oito jogadores que irão competir por um lugar no pódio, e tal como o modo Career, iremos ser galardoados com pontos para aumentar de nível o nosso perfil de condutor. Em suma, Need For Speed Shift é um regresso em grande da franchise que, apesar de conter uns pequenos erros, se mostra bastante consistente e que irá agradar muito bem os fãs do género.


  1. Apresentação bem conseguida
  2. Inteligência artificial realista
  3. Vários modos de competição



  1. Modo Carrer pouco interessante



Nenhum comentário

comments powered by Disqus
E-Zine/MyGames
89/ 100
Média da crítica
Média dos usuários
Sua nota

Sobre o colaborador

avatar de Giordano Trabach

Reviews da crítica

89 / 100
E-Zine/MyGames
9.2 / 10
GamesBrasil
7 / 10
GameStart
4.5 / 5
Uol Jogos
©2016 GameVicio