GameVicio Entretenimento: GameVicio | FlashVicio | Hhide.ME | ClubVicio | Fórum | Flow | MovieVicio

Review de Emperor: Battle for Dune para PC de Outer Space

por Giordano Trabach, fonte Outer Space, data  editar remover


Poucos jogos criados a partir de filmes ou livros famosos são bem sucedidos. Muitos programadores simplesmente não conseguem transportar todo o espírito do original de uma forma jogável para a tela.

Este não é o caso de Dune. Para quem não viu o filme do diretor David Lynch, nunca leu o livro, ou não jogou um dos vários jogos de Dune, saiba que esta série conseguiu trazer para as telas do PC todo o esplendor do filme e do livro com estrema fidelidade e diversão.

Pois bem, agora chega em primeira mão para o mercado brasileiro Emperor Battle for Dune, um dos lançamentos mais aguardados deste ano, que vem em boa hora para dar continuação à consagrada série de jogos baseados no universo de Dune para o PC.

"Não é feitiçaria, é tecnologia!"


Diferente dos demais jogos de estratégia em tempo real da Westwood, Emperor Battle for Dune inova bastante no que diz respeito ao quesito gráfico trazendo um novíssimo sistema em 3D.

O jogo não perdeu suas características, ou seja, continua fiel ao filme e ao estilo dos outros jogos da série. Na verdade, Emperor Battle for Dune, à primeira vista, parece ser uma versão de Dune 2000 só que com uma injeção de tecnologia. Para quem jogou os antecessores desse título, as unidades e construções serão reconhecidas facilmente. Todas elas estão do mesmo jeito só que modeladas em 3D.

Agora você pode girar o mapa, girar uma construção antes de coloca-la no solo, e ainda dar um zoom em cima dela, ou de uma unidade qualquer, para observar todos os detalhes gráficos com 32-bits de cor e uma resolução de até 1600 por 1200. Dessa forma você pode ver todos os efeitos gráficos, como o fogo expelido de algumas construções, os diversos tipos de tiros das unidades, as explosões, e também as tempestades de areia... Isto mesmo, as tempestades de areia estão maravilhosas e bem interativas. Você está no meio de um combate quando, de repente, surge um vórtice de areia enorme que danifica as unidades aéreas e terrestres, e carrega todos os soldados desprotegidos desta para melhor. Apesar de frustrante, ver todo o seu pelotão de soldados girando de cabeça para baixo dentro do tufão é uma cena bonita.

O minhocuçu cansou de servir de isca...


Mas não são apenas as tempestades no deserto que embelezam e divertem em Emperor Battle for Dune há outra coisa também. Eu não quero botar em jogo a minha masculinidade e nem a dos demais integrantes da Outer Space, na verdade eu nunca pensei que iria dizer isto: mas que minhoca bonita essa da Westwood! Eles tiveram todo um trabalho para criar as "Sand-worms" (minhocas de areia gigantes que se movem pelas dunas para saciar seu enorme apetite, atraídas pelas vibrações emitidas por tanques e soldados).

Assim como um tubarão que posiciona sua barbatana dorsal na crista da água quando vai atacar sua presa, as Sand-worms posicionam um dos seus enormes beiços para fora da areia enquanto persegue a vítima. Ou então, elas fazem um ataque surpresa de baixo para cima num ato tão magnífico e destruidor que pode engolir até uma aeronave a uma altitude considerável, expondo toda cavidade da sua boca. Todos estes perigos do deserto compõem o clima de Dune.
Agora contrariando o estilo da Westwood, famosa por investir e fazer com muita qualidade os filminhos que antecedem a ação, os CGs de Emperor Battle for Dune são o único negativo gráfico. Se existisse um prêmio para os piores CGs de jogos de todos os tempos, os de Emperor Battle for Dune seriam os prováveis ganhadores. O cenário "sci fi" parece nem usar do recurso de chroma-key (onde os atores atuam sobre um fundo verde para depois ser aplicado o cenário), e sim daquelas pinturas de cenário vistas em filmes antigos como no "E o vento levou", só que com uma palheta de cores bem limitada. ?? feio pacas!

Melhorias já esperadas


A jogabilidade de Emperor Battle for Dune está um pouquinho diferente dos outros jogos da série. Umas coisas foram aprimoradas, trazidas de jogos como Red Alert 2 e Command and Conquer, e outras coisas são verdadeiramente inéditas. Agora você não tem a possibilidade de asfaltar o local onde construirá a base para que elas não sofram danos. Você apenas constrói em lugares com rocha plana, e pronto. Como já é comum no gênero de ETR, você pode acumular a ordem de produção de vários soldados e tanques que deseja construir, pode direcionar para onde essas unidades irão ir depois de produzidas, e pode murar a base com estrema facilidade.

A estratégia se mantém intacta, mudando-se apenas a funcionalidade das unidades e estruturas. Você continua tendo que minerar o spice-melange (o tempero), que é convertido em créditos, permitindo construir unidades e estruturas. Destacam-se apenas alguns "upgrades" originais, como novas rampas para ampliar a capacidade de produção das refinarias de tempero, e a possibilidade de se aliar a facções neutras, como o povo Fremem.

As campanhas continuam muito divertidas, seja com qualquer uma das três facções que você escolher. Você terá que atacar os territórios neutros e inimigos, e também se defender dos ataques deles. Tudo isto numa variedade de missões, mapas e objetivos muito bons. Em algumas missões você terá que combater os inimigos em desertos com vários predadores, noutras em terrenos cobertos de neve (muito bonitos por sinal) e campos verdes, e até dentro de bases. ?? muito bacana!

O Veredicto:
Emperor Battle for Dune é um ótimo jogo de estratégia em tempo real que inova a série tratando-se da parte gráfica, mas que mantém a espinha dorsal da jogabilidade dos seus antecessores - aprimorando, mas sem criar nada realmente novo neste aspeto. ?? mais do mesmo, ou melhor, mais do bom mesmo.

Prós:
+ Graficamente muito bom;
+ Continua fiel ao estilo da série e do filme;
+ Sons e música muito bons (forte dos estúdios da Westwood);
+ Vem em 4 CDs permitindo que várias pessoas usufruam do jogo;
+ Divertido como sempre;
+ Modo multijogador muito equilibrado e divertido com opções de deathmatch e cooperativo;
+ As Sand-Worms estão mais bacanas do que nunca.

Contras:
- Requer bastante de sua máquina;
- Pouca inovação;
- CGs decepcionaram.


Nenhum comentário

||
Outer Space
8/ 10
Média da crítica
Média dos usuários
Sua nota

Sobre o colaborador

avatar de Giordano Trabach
©2016 GameVicio