GameVicio Entretenimento: GameVicio | FlashVicio | Hhide.ME | ClubVicio | Fórum | Flow | MovieVicio

Review de Medal of Honor: Underground para PS1 de Outer Space

por Giordano Trabach, fonte Outer Space, data  editar remover


Em 1999, Medal of Honor emergiu no mundo do entretenimento eletrônico como uma excelente surpresa. Sua jogabilidade envolvente e seu efeitos e trilha sonora fantásticos superaram todas limitações impostas por um hardware caduco como o do Playstation original. Tamanho sucesso de crítica e público não poderiam ser simplesmente negligenciados pelos produtores do jogo.

Eis então o lançamento de Medal of Honor Underground. Mas será que ele conseguiu realizar o mesmo impacto do seu antecessor?

O prosaico cotidiano de uma jovem em 45


Algumas modificações em relação ao original são exigências mais que razoáveis para um boa continuação, e Medal of Honor Underground começa a cumprir as expectativas neste quesito logo no início. Ao invés de assumir o papel de um herói americano, o usuário desta vez encarnará uma fêmea francesa chamada Manon.
Inicialmente, a nossa heroína faz parte do grupo de resistência que se opõe à poderosa força nazista durante a Segunda Guerra Mundial. Mas alguns eventos que ocorrem logo no início da trama resultam na traumática morte do irmão de Manon pelas mãos dos malditos seguidores de Adolf Hitler. A revolta leva a garota francesa a se alistar na OSS - sigla para Office Strategic Services.

A partir deste ponto, Manon começa a receber uma série de missões cujos objetivos são deveras interessantes. Que tal fotografar alguns planos secretos das forças nazistas? Ou desativar baterias anti-aéreas, destruir tanques e caminhões de transporte com tiros de bazuca? Ou ainda recuperar tesouros arqueológicos em instalações dominadas por hipócritas alemães? Nada mais prosaico para uma jovem que residiu na Europa em 1945 e que aspirava acabar com os pretensões nazistas de dominação do mundo...

Tanta discrepância entre as missões, carece de cenários distintos e bem caracterizados para uma boa ambientação da trama. Agora se a DreamWorks foi ou não bem sucedida neste fator é uma questão realmente complicada. Não há dúvidas sobre o empenho dos programadores na tentativa de conceber ambientes mais detalhados e complexos do que aqueles vistos no jogo original, porém, a boa vontade esbarra nas limitações do Playstation.

O "engine" parece ser idêntico àquele do jogo lançado em 99, e perante a implementação de novas melhorias gráficas, a taxa de quadros por segundo cai drasticamente mais vezes do que o desejável. Esta degradante característica pode ser facilmente conferida quando mais de três soldados inimigos aparecem na tela. A queda na taxa de quadros por segundo irrita mais do que no jogo original e atrapalha a jogabilidade em alguns instantes.

Aprenda História brincando


Para conceber um jogo historicamente correto, a Dreamworks recorreu às testemunhas e aos estudiosos da Segunda Guerra Mundial. O resultado é que Medal of Honor Underground utiliza momentos que realmente ocorreram para inserir o usuário na ação. Simplesmente fabuloso. ?? possível aprender alguma coisa sobre a guerra e conhecer personagens notórios que atuaram ao lado de Hitler.
Os belíssimos vídeos em preto e branco presentes na versão original estão de volta e além de apresentar várias imagens históricas e reais, servem como um excelente agente na tarefa de criar uma boa atmosfera antes do início das missões. No entanto, vale ressaltar que algumas ilustrações presentes nestas pequenas películas são fictícias, isto é, foram simplesmente criadas pelo escritor do enredo de Medal of Honor Underground.

O dedo de Spielberg toca clássicos soberbos


Mais uma vez, o som aparece como uma das maiores qualidades desta série. As impressões digitais do cineasta Steven Spielberg podem ser ouvidas em cada nota musical da trilha sonora de Medal of Honor Underground. As composições são particularmente geniais e dão aquele sentimento de ação e aventura incríveis de um filme da trilogia Indiana Jones. Os efeitos sonoros das armas também são muito bem feitos e transmitem a sensação de realismo satisfatoriamente.
Mas afinal, por que o Spielberg foi citado? Bem, este famoso diretor de Holywwod é citado nos créditos do jogo como o principal criador dele. Para aqueles que conhecem a história dos bastidores do clássico The Dig e do original Medal of Honor devem sabem da presença do cineasta na produção e da competência do mesmo em conceber bons jogos.

Inimigos vaidosos e traquinas


Foi mencionado anteriormente que algumas missões de Medal of Honor Underground têm como objetivo a aquisição de fotos de planos secretos da força nazista. Pois bem, além da originalidade, estas fases são também bem hilárias. Normalmente, Manon adentra as instalações fortemente armadas disfarçada de fotógrafa da imprensa nazista que atua na divulgação de uma boa e falsa impressão dos interesses de Hitler. Então, munida de uma máquina fotográfica e documentos, a nossa heroína deve passar despercebida pelos soldados.

Contudo, às vezes, é necessário tirar fotos dos inimigos para que eles acreditem no disfarce. Nestas ocasiões, os nazistas falam: "Make us look good!" (faça-nos parecer bem, em inglês), e logo depois fazem poses engraçadíssimas sob a mira da câmera fotográfica.

Mas nem todos caem no disfarce de cara. Alguns pedem para checar documentos e começam uma verdadeira sabatina, assim como no jogo original. Quando isto ocorre, é importante agir com calma e tentar trazer o inimigo desconfiado para distante dos outros e bang - surpreendê-lo com uma bela azeitona na cabeça cuspida por uma pistola munida de um silencioso.

Muitas vezes o tiroteio é inevitável e então é possível constatar a primorosa inteligência artificial dos inimigos em Medal of Honor Underground. Táticas mais diversificadas do que aquelas presentes no jogo original são utilizadas pelos ardilosos e traquinas soldados nazistas. Atirar e depois esconder atrás de paredes ou pilares, atacar sorrateiramente por ângulos imprevisíveis, chutar um granada remetida por Manon ou ainda utilizar poderosas metralhadoras fixas presentes em certos locais são práticas comuns dos inimigos.

Algumas vezes Manon pode se deparar com uma situação em que o nazistas já estão em combate com outros personagens, como na fase da Grécia. O melhor a fazer nestas situações é deixar que eles digladiem a vontade e depois entrar na cena apenas para mandar um ou dois inimigos para um acalorado encontro com o Belzebu.
Felizmente, armas de laser e outros instrumentos bélicos hi-tech continuam de fora do arsenal de Medal of Honor Underground. O único defeito deste quesito fica por conta do aparecimento de algumas armas presentes no jogo de 1999 sem que nenhuma mudança fosse realizada. Mas o número de armas novas satisfaz o desejo por novidades.

Extras dão longevidade, mas...


Como todo título lançado atualmente, Medal of Honor Underground conta com alguns extras para prolongar a sua diversão. Itens secretos são revelados quando o usuário conseguir completar uma missão impecavelmente e o modo multiplayer, que suporta dois jogadores através da divisão da tela, fornece algum entretenimento por um tempo.

Mas... Apesar de todas excelentes qualidades, Medal of Honor Underground falhou na tentativa de surpreender o mundo dos jogos, como seu antecessor fez.

O Veredicto:
Medal of Honor estabeleceu um nível de qualidade quando lançado no final de 99 e esta seqüência afirma a capacidade de produção de bons títulos pela DreamWorks. Apesar de não trazer o choque do jogo original, várias inovações foram implementadas e Medal of Honor Underground é, sem dúvida, a melhor opção para os amantes do gênero de ação em primeira pessoa no Playstation.

Prós:
+ A melhor trilha sonora de um jogo de ação em primeira pessoa;
+ Missões bem diversificadas;
+ Inteligência artificial fantástica;
+ Historicamente correto;
+ Interlúdios cinematográficos soberbos;
+ Humor.

Contras:
- Taxa de quadros por segundo cai regularmente;
- Não chocou tanto quanto o original.


Nenhum comentário

comments powered by Disqus
Outer Space
8/ 10
Média da crítica
Média dos usuários
Sua nota

Sobre o colaborador

avatar de Giordano Trabach
©2016 GameVicio