GameVicio Entretenimento: GameVicio | FlashVicio | Hhide.ME | ClubVicio | Fórum | Flow | MovieVicio

Review de Pro Rally 2001 para PC de Outer Space

por Giordano Trabach, fonte Outer Space, data  editar remover


Desafio. Essa é a palavra que resume com mais clareza e objetividade os diversos ralis que se espalham pelo nosso mundão afora. Se aventurar por desertos, estradas de terra, e até mesmo pistas cobertas pela neve certamente não é tarefa para qualquer maluco. Talvez essa seja a modalidade que mais testa a capacidade de um piloto, seja na experiência, resistência e, é claro, na habilidade ao volante. Principalmente na Europa os ralis são bastante populares, e arrastam consigo equipes e patrocinadores milionários.

Nos PCs, como não poderia ser diferente, vários títulos tem sido lançados tentando simular ao máximo a emoção de pilotar essas possantes máquinas. Entre eles, não podemos deixar de citar a série Collin McRae Rally, que, de certa forma, se tornou um referencial quando se trata dessa modalidade, e é o título ???a ser batido???. Eis que chega às prateleiras Pro Rally 2001, acelerando ao máximo para ser o número 1, e ganhar o espaço conquistado por Collin. Vamos ver a partir de agora se o esforço da Ubi Soft realmente valeu a pena.

Acelera daqui... Derrapa de lá...


Para começar, já alerto que antes de sair voando pelas estradas é necessário um aprendizado, para que o usuário se familiarize com estilo de controle de Pro Rally 2001. Os testes se resumem a 10 etapas, que sintetizam bem o que você encontrará mais para frente, nas competições. Curvas fechadas, abertas, em slalom entre outras serão contornadas de modos diferentes durante as provas. Algumas exigirão o uso do freio de mão, em outras, já basta uma aliviada no acelerador.

Concluídos os testes iniciais, você já estará apto a concorrer no primeiro campeonato. Como nos ralis convencionais, as provas são feitas em etapas. O tempo total indicará o vencedor da etapa. A pontuação é similar à da Formula 1. Para liberar outros campeonatos, você terá que pontuar de forma ao menos razoável.

No primeiro campeonato isso não será tarefa das mais difíceis. No entanto, quando as provas começam a ficar mais desafiadoras, percebe-se que o controle do carro é falho. A máquina demora a reagir aos seus comandos, tornando um pouco frustrante a pilotagem. Mesmo que o navegador antecipe as características do próximo obstáculo, fazer curvas mais fechadas com o freio de mão por exemplo, fica deveras complicado.

Mesmo apresentando acidentes espetaculares e alguns até bem reais, a produção poderia ter caprichado um pouco mais na física do jogo. Enquanto sobra realidade em alguns fatores como as ???voadas??? dos carros e o momento que eles tocam o solo novamente, falta em outros, como as capotagens. Apesar de considerar a vitória seu principal objetivo, é bem chato ver seu carro capotar, rodopiar duas vezes no ar, cair de cabeça pra baixo, virar e continuar a correr como se nada tivesse acontecido. ?? fato que o carro danifica um pouco nas batidas, e se estas forem constantes, você presenciará desde problemas no radiador, como até mesmo no cambio de marchas, mas algumas batidas se tornam motivo de chacota entre os pilotos mais experientes.

Grandes empresas, grandes negócios


Muitos fanáticos por jogos de corrida compram games dando muito mais importância às empresas e fabricantes de carros presentes do que a jogabilidade e diversão propriamente ditas. Se focarmos esse ponto de vista, Pro Rally 2001 não dá show, mas também não decepciona. Mesmo que em pequeno número, as principais e mais famosas escuderias apresentam suas obras de arte sobre as quatro rodas, todas elas é claro, no modelo Rally.

Carros como os Celica e Corolla da Toyota, o Megane da Renault e o Xsara da Citroen estão presentes, e têm características diferentes uns dos outros. Alguns são mais possantes, porém mais pesados e outros são do tipo ???ligeirinho???. Enfim, nesse quesito nada compromete.

Você certamente não irá gostar dos carros mais pesados, já que pelo simples fato de a jogabilidade não ser das melhores, será difícil se manter nas pistas, principalmente as mais estreitas. Algumas delas tem verdadeirso abismos logo ao lado, e um simples descuido e pronto. Perde-se um tempo danado trazendo o carro de volta la debaixo.

Uau! Olha que paisagem!


A atenção durante as corridas se resume não só nas curvas, retas e barrancos, mas também nas belas paisagens que os cenários apresentam. Seja na Nova Zelândia, com suas matas e arvores abundantes, ou na Suécia, com neve pra tudo quanto é lado, é bastante prazeroso o modo com o jogo as apresenta. Graficamente falando, Pro Rally 2001 não derrapa, e aproveita bem o poderio das placas 3d, componentes essenciais para se jogar decentemente hoje em dia. Os carros são bastante detalhados, e os circuitos modelados de forma bem caprichada. Aquela poeirinha básica , assim como gotas de chuva, flocos de neve, e efeitos de sombra compões bem o restante da parte gráfica.

Alguns bugs acompanham o jogo. O mais estranho deles é que quando o carro cai em uma vala ou penhasco, a imagem mostra-o a caminho de um buraco-negro, algo parecido com o infinito. Para onde será que vão os carros que caem nos abismos? Só a Ubi Soft poderá responder...

O roncar dos motores é bem simples e não empolga. Durante toda a corrida, o seu navegador (que diga-se de passagem, tem uma voz de português engraçadíssima) fala no seu ouvido e não te deixa perder nenhum detalhe. Mesmo assim, há uma confusão entre sons de vento, chuvas, motores e navegador, e no final das contas você acaba não ouvindo nada direito. Lamentável.

O jogo ainda oferece uma seção multiplayer para os mais interesados na jogatina com outros desafiadores por ai. Há também o modo arcade, que se consiste em corridas simples, em circuitos característicos, e ainda a corrida por tempo marcado.

O Veredicto:
Num mercado com tantos jogos do gênero, a obra final tem de ter um ???algo mais??? para ganhar o público e não cair no anonimato. Essa característica não é apresentada em Pro Rally 2001, mesmo que este, se tratando de uma simulação, divirta em boas quantidades os fãs de uma boa corrida. A durabilidade deste também não é lá das maiores, já que o game conta com apenas três modos de campeonatos, e alguns não muito numerosos modelos de possantes. Alguns bons gráficos e uma simulação razoável não são suficientes para satisfazer por inteiro o exigente público do mundo dos jogos. Será necessário mais do que isso para bater títulos como o favorito Colin McRae 2.0. Quem sabe da próxima vez...

Prós:
+ Belas paisagens e gráficos que não decepcionam;
+ Boa simulação do que realmente se trata um campeonato de rali;
+ Algumas das mais famosas empresas e fabricantes de carros presentes;

Contras:
- Fraca jogabilidade;
- Certa dificuldade de controlar o carro, e atraso na resposta dos comandos;
- Física ingrata em alguns momentos do jogo;
- Falta algo mais para bater o favorito Colin McRae Rally 2.


Nenhum comentário

comments powered by Disqus
Outer Space
6/ 10
Média da crítica
Média dos usuários
Sua nota

Sobre o colaborador

avatar de Giordano Trabach
©2016 GameVicio