GameVicio Entretenimento: GameVicio | FlashVicio | Hhide.ME | ClubVicio | Fórum | Flow | MovieVicio

Review de WarioWare: Smooth Moves para Wii de Outer Space

por Giordano Trabach, fonte Outer Space, data  editar remover


???Sempre use a alça do controle, jogue em uma área aberta e deixe suas inibições de lado???, avisa uma das primeiras telas de WarioWare Smooth Moves, antes de pedir que o jogador coloque o controle sobre a cabeça, dê umas reboladas e um tapa de Wiimote no glúteo.

Como se os micro-games dos Warios passados já não fossem absurdos o suficiente, a proposta de Smooth Moves envolve movimentos constrangedores com o Wiimote, dezenas de papelões de cinco segundos a serem prestados com um sorriso na cara.

Let???s get physical


?? possível trapacear e completar os micro-games sem rebolar uma única vez, mas executá-los como o jogo pede, com graça e beleza, requer desinibição e disposição para entrar no clima.

Segurar o Wiimote ??? que aqui não se chama mais Wiimote, mas ???O bastão da forma??? ??? é uma arte milenar, oriunda de danças tribais, segundo revela a breve história na abertura. Dezenove posturas são ensinadas ao longo do jogo, através de ilustrações e uma voz ???suave???, como ???O Grande Queijo??? (Empine o peito e incline-se pra frente. Esta postura honra o CEO, herói não celebrado, de pé e orgulhoso de costas para seus empregados), que significa colocar o controle na cintura. Já ???O faxineiro??? diz para segurar o antigo artefato como se segura uma vassoura: ???A mão direita representa ordem, e a esquerda sujeira. O bastão da forma é a ponte entre as duas???. A mais misteriosa, da ???pessoa que janta???, aparece no final do jogo e faz usa da ???pedra de equilíbrio???, a extensão Nunchuk, para movimentos mais complexos, com as duas mãos.

Usar o ???bastão da forma??? é uma das poucas novidades na fórmula de micro-games de cinco segundos que vem sendo repetida desde que o jogo estreou no Gameboy Advance. Agora uma imagem mostra a postura a ser usada antes de cada micro-game, mas daí em diante, o que se vê são as mesmas situações absurdas de sempre, como colocar a dentadura na boca de uma vovó para que ela possa morder uma espiga de milho (na postura do desenhista, segurando o controle como um lápis), atender ao telefone e ouvir uma gueixa pedir uma pizza ou dizer olá (a postura do descarte pede para deixar o controle quieto sobre uma superfície qualquer e levantá-lo na hora certa), ou estender a mão e pedir a pata a um filhote de cachorro (postura do garçom, com o bastão da forma na palma da mão aberta). No final de cada série de micro-games, há um estágio de ???chefe???, bem mais longo que os cinco segundos normais, e não menos insano.

Os gestos necessários para se sair bem nos micro-games são quase sempre bem fiéis ao que é visto na tela. Beber um copo d???água, por exemplo, pede a postura do guarda-chuva (segurar o controle na vertical, como se ele fosse o cabo), e tombar o controle calmamente para que o líquido não vá todo na cara. Completando este micro-game em particular resulta em uma imagem de pêlos crescendo na cabeça e pelas narinas do personagem -- só para se ter uma idéia do tipo de surpresa visual que se tem a cada missão cumprida. Um dos estágios de ???chefe??? é, inclusive, uma ótima demonstração de jogo de corrida com o controle do Wii: a missão é dirigir por uma estrada fazendo curvas e desviando de macacos e vacas, e o controle deve ser segurado como se fosse um volante.

Há alguma evolução no nível de dificuldade conforme se libera novas coleções de micro-games, mas o desafio é brando, ideal para o jogador casual. O mais complexo é também o mais constrangedor: a seqüência de dança.

Ménage à douze


Smooth Moves seria o melhor jogo do Wii não fosse uma distração tão curta e descartável. Existem mais de 200 micro-games, mas como duram poucos segundos, é possível conhecer todos em pouco mais de duas horas.

Os extras desta vez são até muito interessantes. Completando cada série de micro-games libera-se um extra como um jogo que envolve rebatidas com raquete e bola de tênis em um cenário com obstáculos; um jogo de tiro ao alvo ideal para o Wiimote; ou um de equilibrar peças que caem em uma bandeja.

E para valorizar a natureza de party-game, um modo multiplayer dividido em quatro modalidades é desbloqueado ao terminar o jogo. Estes podem ser curtidos com até doze jogadores se revezando no Wiimote, e são engraçadinhos, embora compartilhem praticamente da mesma fórmula: os jogadores estão sempre competindo por execuções perfeitas em uma seleção aleatória dos micro-games do jogo principal. Muda apenas a forma de eliminação: em um deles, o vencedor é decidido após uma série de uns dez; em outro, o jogador pode escolher o estilo de micro-game que o outro irá jogar, e o Wiimote se transforma em uma bomba pronta para explodir na mão de quem errar; e o mais bizarro coloca os Miis dos jogadores como anjos no céu, e o primeiro que errar está fora. No mais original, um participante joga os micro-games enquanto os outros inflam um balão (bombeando com o bastão no movimento perfeito). Perde aquele que estiver jogando quando o balão estourar.

O Veredicto:
Smooth Moves é um ótimo party-game e um exemplo que casa muito bem com o conceito de console casual do Wii. Os micro-games continuam bem surreais e engraçados, com a vantagem agora de um jogador se mexendo em coreografias constrangedoras no lugar de um simples apertar de botões. Se não fosse tão curto e descartável, poderia ser considerado o melhor jogo do Wii... depois de Zelda, talvez.

Prós:

- Micro-games hiários;
- ??tima resposta do controle;
- Fácil de jogar, bem "casual".


Contras:

- Curtíssimo.


Nenhum comentário

comments powered by Disqus
Outer Space
8/ 10
Média da crítica
Média dos usuários
Sua nota

Sobre o colaborador

avatar de Giordano Trabach
©2016 GameVicio