GameVicio Entretenimento: GameVicio | FlashVicio | Hhide.ME | ClubVicio | Fórum | Flow | MovieVicio

Review de Warlords Battlecry III para PC de GameVicio

por ricardo3003, data  editar remover


Excelente pedida para quem gosta de RPGs, Warlords Battlecry III é um jogo que segue a mesma linha dos clássicos da série Warcraft e Lord of the Rings. Trata-se da mais pura estratégia em tempo real. E não se assustem com a data de lançamento, uma eternidade para o mundo dos jogos, pois a qualidade dos gráficos é plenamente satisfatória, mesmo não sendo o ponto forte deste jogo.

A jogabilidade é muito boa, com o que contribui uma batalha de tutorial bem montada, mas simples demais para se ter uma idéia das possibilidades do jogo. Os gráficos não deixam a desejar quando comparado com seus contemporâneos. Mas suas partes fortes dentre os quesitos básicos na avaliação de jogos é trilha sonora, muito bem escolhida, com momentos de grande tensão, e a diversidade incrível de estratégias que a IA pode adotar.


História


O jogo inclui uma campanha solo com 117 batalhas diferentes, algumas re-jogáveis (e pode ter certeza de que você se verá obrigado a jogar várias vezes algumas delas, para ter dinheiro e experiência o suficiente para avançar na campanha) e com seis níveis de dificuldade que são automaticamente selecionados de acordo com sua perícia no jogo.

As batalhas re-jogáveis dificilmente são iguais, uma vez que seu oponente é escolhido aleatoriamente a cada partida, assim como o ponto do mapa onde você deve estabelecer sua base.

São 16 raças diferentes, com 28 classes de heróis cada uma. Há herói para todo tipo de jogador: há classes de herói extremamente habilidosas em magia e outras muito boas para, literalmente, ???partir para a porrada???. Apenas não dê muita moleza, pois sempre se pode encontrar um assassino que te mata inapelavelmente com um único golpe, por mais forte que seja seu herói. Há raças para todo tipo de estratégia: raças extremamente velozes em sua produção de unidades, porém com unidades fisicamente frágeis, e raças com unidades robustas, mas de produção lenta. E é aí que mora a outra grande virtude do jogo: o número de possibilidades diferentes de configurar seu herói (e a conseqüente diversidade de oponentes com os quais você terá que se confrontar).

Depois de cada batalha importante há um vídeo complementar sobre o desenrolar da história. Há também um diário de campanha, onde ficam anotadas todas as batalhas, que pode também ser programado para mostrar apenas as batalhas importantes, com links para os vídeos correspondentes. Além disso, na tela de carregamento de cada batalha é mostrado um texto, sorteado ao acaso em um total de 63, que conta a história do mundo onde o jogo se desenrola.

Merece um destaque também a relativa liberdade em relação ao desenvolvimento da campanha. Com exceção da primeira batalha, obrigatória, sempre cabe a você a decisão final sobre qual será a próxima batalha a ser jogada, apesar de haver sugestões do jogo a esse respeito.

O enredo é bem simples, mas bem bolado. Trata-se de descobrir o que está ocorrendo, encontrar e vencer um inimigo específico, que está pondo em risco o mundo de Etheria. Quer mais detalhes?! Jogue e divirta-se muito com a trama deste jogo.


Inteligência Artificial


O que contribui muito para que o jogo não se torne enjoativo é a alternância de estratégias da IA (no total há 14 estratégias diferentes que o herói adversário pode assumir aleatoriamente), além do aumento do grau de dificuldade na hora exata em que o jogo começa a se tornar chato. Desse modo, é simplesmente impossível saber se será possível obter a vitória antes do jogo terminar. O coeficiente de vitórias é, assim, mantido sempre relativamente baixo, mas sem tornar o jogo um perde-perde incessante.

Há falta de ainda mais estratégias de IA. A partir da 100ª partida você deve se acostumar e ter mais facilidade. Isso seria mais que o suficiente para a maioria dos jogos, mas este você deve jogar mais de 200 vezes antes de zerá-lo.


Jogabilidade


?? um jogo que exige boa agilidade no uso do mouse e do teclado, mas nada diferente do que está acostumado o fã de jogos de estratégia em tempo real.
Nesse quesito, peca um pouco, pelo fato de não dar a opção de se mudar as teclas de atalho. Mas elas estão configuradas de um modo que fica fácil usá-las com agilidade no desenrolar do jogo.

Um aspecto do jogo digno de ser mencionado é a possibilidade de se programar a atitude de cada unidade (ou de grupos de unidades) individualmente, de modo a se extrair o melhor de cada uma delas. Assim, por exemplo, para unidades frágeis, destinadas à mineração de recursos, pode-se atribuir uma atitude covarde, de modo que a unidade procure sempre fugir do confronto, enquanto que para unidades guerreiras, pode-se programar uma atitude agressiva (matar-ou-morrer), defensiva (lutar e perseguir por certa distância), defensiva (só agredir quem vem te agredir) ou guardiã (defender uma unidade ou prédio em especial). São 13 atitudes no total.

Além disso, há a possibilidade de se escolher a formação de deslocamento de seu exército (coluna, linha reta, linha ampla, etc) e a velocidade de deslocamento dele (se o mais rápido possível ou de acordo com a unidade mais lenta).

Depois que se tornar um craque, há a possibilidade de se jogar em modo Ironman, onde a perda do herói significa a perda da campanha. Um desafio reservado somente aos melhores.

A batalha tutorial é excessivamente simples e a falta de possibilidade de se alterar as teclas de atalho.


Áudio


Cada passo do herói, cada golpe e cada som do ambiente estão no jogo. Além disso, é possível se configurar as falas do personagem a cada ação (se eles dirão algo sempre que forem selecionados; só de vez em quando ou nunca). Destaque especial para a trilha sonora, muito bem escolhida para o gênero, com momentos de grande suspense.


Gráficos


Poderia ser melhor? Sim, poderia. Mas para uma produtora pequena e um jogo lançado há um bom tempo para o padrão da indústria de jogos, o gráfico satisfaz. Em alguns pontos, se iguala ou mesmo supera os gráficos de Warcraft III. Oras, mas isso não seria obrigação para um jogo três anos mais novo? ?? discutível, mas devemos sempre nos lembrar que a série Warcraft pertence a uma das melhores produtoras do mundo, enquanto que Warlords Battlecry é produzido por uma empresa de menor porte. Com os devidos descontos para os gráficos deste jogo.


Diferencial do jogo em relação a outros do gênero


?? medida que você joga a campanha, o status diplomático das raças que habitam Etheria vai se alterando entre amigos, aliados, neutros e inimigos. E quando eles viram seus aliados, você passa a poder escolher a raça deles para jogar uma batalha no lugar da sua, com seu herói. Por isso é importante evoluir as características do herói corretamente e saber usar bem os itens mágicos do jogo.

------------------------------------------------

Três Pontos Positivos

Além do diferencial em relação a outros jogos do gênero, os principais pontos positivos são:

1 - Toda unidade evolui e ganha experiência, ficando mais forte, mais rápida e mais resistente. Isso mesmo, toda. E, além disso, além do herói, há uma tropa de elite, cujos soldados podem ser mantidos ao longo da campanha, desde que não morram em batalha. E por elite, entendam elite: alguns chegam a ser mais fortes e dar mais dano que o próprio herói;
2 - A liberdade para se jogar é quase total. Há dicas de para onde se deve ir para se lutar a próxima batalha, mas a decisão final cabe ao jogador. A campanha realmente é o que se pode chamar de aberta;
3 - Há a possibilidade de se regular o nível de resposta das unidades, para que elas falem menos. Porque, convenhamos, tem horas que enche a paciência à mesma fala sempre ser repetida pelo herói a cada vez que a gente o seleciona. Nesse jogo, você pode não só deixá-lo mudo, como também pode fazê-lo ser menos tagarela, o que é ideal;


Três Pontos Negativos

1 - Sem dúvidas, o maior pecado do jogo é a falta de possibilidades de configurar as teclas de atalho;
2 - A campanha solo não é balanceada. Ou seja, deslocando-se para um lado do Mapa do Mundo, as batalhas são fáceis e a vitória é quase certa. Deslocando-se para o outro lado, as batalhas, mesmo as indicadas como sendo fáceis, são hardcore demais, e o índice de vitórias cai para bem menos da metade;
3 - A campanha tutorial é outro grande pecado. Informa muito pouco sobre as possibilidades de jogo e termina em menos de dez minutos (sendo que uma boa batalha pode durar até uma hora ou mais, no modo campanha);

------------------------------------------------

Conclusões


Diversão garantida para muito tempo ??? uma vez que para zerá-lo é necessário vencer mais de 150 batalhas ??? e bela dica para quem gosta do gênero de estratégia em tempo real, Warlords Battlecry III tem mais uma vantagem: seu preço, uma verdadeira pechincha para os jogos do gênero. Há suporte para multiplayer e há clãs espalhados pela internet, mas como não testamos, não podemos dar uma opinião definitiva. Pelo que vimos no modo solo, este jogo promete, e muito, também no modo multiplayer...


Notas


História: 8,0
IA: 9,0
Jogabilidade: 7,0
Áudio: 9,0
Gráficos: 7,0


6 comentários

||
GameVicio
8/ 10
Média da crítica
Média dos usuários
Sua nota

Sobre o colaborador

avatar de ricardo3003
©2016 GameVicio