GameVicio Entretenimento: GameVicio | FlashVicio | Hhide.ME | ClubVicio | Fórum | Flow | MovieVicio

Review de New International Track & Field para DS de Outer Space

por Guimephiles, fonte Outer Space, data  editar remover


Os mais velhos se lembrarão do antigo assassino de controles de Atari denominado Decathlon, que os forçava a vibrar a manete rapidamente para conseguir velocidade suficiente para vencer as corridas e conseguir melhores médias na prova de salto à distância. Transformar esportes olímpicos em jogos foi uma idéia melhor explorada pela Konami, que criou as séries Track & Field e Hyper Sports décadas atrás, com o mesmo conceito de apertar botões incessantemente. Agora, no Nintendo DS, a jogabilidade finalmente encontrou uma solução razoável para os direcionais esmagados: a caneta stylus.

Olimpíadas à vista


Jogos esportivos estão em alta neste ano de Olimpíadas em Pequim, e a Konami pegou carona na onda para emplacar uma continuação de seu famoso título. Considerando a quantidade de opções presentes, este novo Track & Field será provavelmente capaz de ocupar o tempo dos jogadores até que os eventos olímpicos se iniciem de fato, apresentando dezenas de minigames de cunho esportivo.

O jogador escolhe inicialmente um dentre oito personagens genéricos (a pesar de bastante carismáticos) para competir com outros três em séries de quatro eventos, divididos por dificuldades (fácil, normal e difícil) e temporadas (entre a primeira e a sexta). Cada uma das temporadas possui quatro eventos diferentes, totalizando 24 esportes a serem praticados aos custos de algum caso de início de LER. O único nível que pode ser selecionado desde o princípio é o fácil, mas após conquistar medalhas em todos os seus eventos, o jogo abre o nível normal e, da mesma forma, destrava o nível difícil com mais algumas medalhas. O nível normal já é um teste pesado para aqueles com pouca destreza, já o difícil é um teste de paciência para todos os jogadores, demandando muito tempo de replay para se dominar o nível de habilidade necessária para vencer seus desafios.

Entre os eventos desportivos normais, são apresentados certos desafios temáticos da própria Konami, como um tiro ao alvo de Castlevania ou uma tentativa de atravessar a rua movimentadíssima de Frogger, e são estes que geralmente recompensam o jogador com muitos extras e tesouros escondidos.
Os controles são o charme deste novo T&F, utilizando basicamente a tela de toque, que é friccionada com a stylus de um lado para o outro (simulando aquele saculejo de manetes) com a opção de se pressionar os botões em alguns eventos que exigem mais coordenação, como aqueles nos quais é preciso parar de sacudir a caneta e pressionar sua ponta contra um círculo no meio da tela repentinamente - substituindo esta ação pelo pressionar de qualquer tecla do DS. Alguns eventos, como tiro ao alvo e as lutas de sumô, utilizam algumas variações dentro deste tema, como uma mira controlada no estilo de Metroid Prime, mas a maior parte deles exigirá um impressionante controle e desgaste dos punhos dos pobres jogadores. ?? imprescindível também boa coordenação motora, pois muitos eventos como salto à distância e arremesso de dardos dependem do personagem iniciar seu pulo ou arremesso em uma pequena marca no meio da pista, sob pena de faltas e perda de pontos caso não consigam.

Não satisfeitos com os personagens genéricos, os programadores ainda incluíram os famosos da Konami na história, destravados na medida em que se cumprem certos desafios durante os eventos. Dentre eles estão Frogger (Frogger), Solid Snake (Metal Gear), Pyramid Head (Silent Hill 2), Evil Rose (Rumble Roses) e Simon Belmont (Castlevania). O ótimo e caricato design desta enorme turma foi realizado em estilo SD (super deformado) pelo estúdio UDON, responsável por excelentes ilustrações em revistas como Street Fighter e Exalted, além de participações nas capas de edições recentes de Ghostbusters e Thundercats.

Lembranças nostálgicas


New International Track & Field traz muitas memórias consigo, desde o tema de Carruagens de Fogo sendo tocada em sua abertura até o remix de algumas músicas em 8 bits e alguns gráficos e cenas clássicas da série. ?? interessante buscar os "ovos de páscoa" do programa, conquistando diversas medalhas e tentando vencer seus próprios recordes, motivação suficiente para aproveitar o cartucho por horas após ter conseguido desbloquear todos os níveis de dificuldade.

Os gráficos são tridimensionais, apresentando modelos detalhados e coloridos com excelente resolução e uma dose generosa de carisma nos modelos de personagens. Os cenários são bem elaborados mas, ao mesmo tempo, buscam inspiração nos videogames de décadas passadas com uma charmosa simplicidade. Tudo em T&F tem uma sensação de ???vintage???, apesar de trazer tecnologia de ponta e usar muitos recursos do portátil.

Além de propiciar muitas horas de diversão single-player, T&F ainda vem acompanhado de um dos mais completos modos online do DS. Além de permitir disputas entre jogadores próximos, é possível criar disputas entre times via internet, além de registrar "recordes mundiais" nas tabelas de pontuação do site oficial e adentrar diversas funções enquanto se estiver conectado, como receber avisos quando alguém quebrar algum de seus recordes e mensagens de amigos (através de Friend Codes). O site ainda complementa o cartucho, contando com fóruns para as equipes e a visualização de resultados de campeonatos sem a necessidade de acesso pelo próprio jogo.



O Veredicto
: Contando com diversas opções de jogo, tanto locais quanto online, New International Track & Field é uma boa pedida de diversão descompromissada, mas que pode ser danosa à tela no longo prazo, demandando de seus jogadores o uso de protetores eficientes. Sem grandes atrações ou destaques, e ainda com algum ar de antiguidade, acaba sendo um jogo mediano, que pode passar despercebido perto de coletâneas de minigames similares como Mario & Sonic at the Olympics.


Prós:

- Controles de fácil aprendizado, apresentando complexidade crescente;
- Personagens divertidos;
- Um modo online completo.


Contras:

- A variedade de eventos não é suficiente para sustentar o modo de um jogador, dependendo do modo online para aumentar sua longevidade;
- Trilha sonora pouco interessante, apesar de nostálgica.


Nenhum comentário

comments powered by Disqus
Outer Space
6/ 10
Média da crítica
Média dos usuários
Sua nota

Sobre o colaborador

avatar de Guimephiles
©2016 GameVicio