GameVicio Entretenimento: GameVicio | FlashVicio | Hhide.ME | ClubVicio | Fórum | Flow | MovieVicio

Review de Pro Evolution Soccer 5 para PC de GameVicio

por Anônimo, data  editar remover


Quem jogou Pro Evolution Soccer 4 até ao ultimo suspiro (como eu) ficou um pouco surpreso com o que encontrou em PES 5, e talvez até frustrado.
Quase contraditoriamente, porque a ultima versão da franquia focou mais precisamente naquilo que se pretende: o realismo. PES 5 tornou-se um real simulador de futebol.
Todos os outros jogos da franquia foram considerados ???simuladores???, mas comparando parecem mais uma recriação de como o futebol devia ser e não a representação das partidas a que assistimos na TV ou nos estádios. Em PES 5, foram feitas mudanças que aproximaram grandiosamente a franquia do verdadeiro futebol, um futebol que pode muitas vezes ser frustrante, lento, mal jogado, com demasiadas faltas e com equipas mais preocupadas em defender do que a atacar.

Novo Realismo

Uma das mudanças foi o sistema de pressing, que não deixa fazer um continuo esforço para roubar a bola. A facilidade com que o arbitro apita uma infração aumentou e muito, logo é impossível carregar na tecla de roubar a bola continuamente sem fazer falta. Até o simples contato dos jogadores, sem pressionar qualquer tecla, pode dar azo a que seja marcada falta. E isso leva a outra alteração: a física dos jogadores.
Lembram-se como era irritante quando um jogador passava por outro como se fosse um fantasma? Isso continua a acontecer em PES 5, mas felizmente acontece muito menos. O contato físico entre os jogadores foi melhorado de tal forma que até dois elementos da mesma equipa podem chocar e cair no chão. Os tropeções, encostos, cargas de ombro e tudo o que seja contato direto entre atletas está mais realista, e depende das características individuais de cada atleta.

Licenças

Existem três ligas totalmente licenciadas: a holandesa, a espanhola e a italiana, estas com todas as equipas licenciadas e nomes dos jogadores corretos. Depois temos outras três ligas, estas não licenciadas: as ligas, inglesa, francesa e alemã. Apenas a inglesa tem dois times licenciados, Arsenal e Chelsea. Todas as outras têm os nomes e os equipamentos um pouco alterados. Por fim existe um ???compacto??? dos melhores times do ???Resto do Mundo???. Alguns desses times estão licenciados, mas outros permanecem com os nomes alterados. Quanto a seleções, todas estão licenciadas e abundam, embora seja de notar a ausência de países que se apuraram para o Mundial, como Angola.
?? um grave problema da franquia PES, mas existe um editor de times e jogadores bastante completo, com dezenas de opções. Em certos casos podem editar por completo os equipamentos de um time e as feições dos jogadores, além de poderem alterar os atributos que todos os atletas possuem.
E ao contrário do que acontecia com PES 4, as alterações feitas são transportadas para a Master League.

A grande liga

A Master League, o grande modo da franquia desde ISS: Pro Evolution Soccer 2, está de volta e melhor, embora não existam muitas mudanças em relação à versão anterior. Antes de começarem a liga, tens de escolher entre três opções: criar um time de raiz e comprar o seu plantel; escolher um time que já exista, mas jogar com os atletas pré-definidos; ou escolher um time e jogar com os seus jogadores de origem. A Master League é dividida em quatro campeonatos diferentes, cujos times podem ser escolhidos aleatoriamente ou pelo jogador. Seja como for, o jogador irá sempre começar na segunda divisão de um desses campeonatos. Depois de subirem de divisão(se conseguirem) terão outra série de objetivos que podem tentar atingir, além da conquista do campeonato, existe a taça e ainda duas provas semelhantes à Taça UEFA e à Champions League.
Como já viram, esta é uma prova exigente, terão de gerir bem o vosso time ou arriscam a ficar com todos os jogadores exaustos em alturas importantes da prova. Para isto é necessário ter em conta a evolução dos jogadores ao longo da época. Alguns atributos sobem em flecha, enquanto que em outros jogadores, eles descem.
Para corrigir isso e outras falhas do plantel, existe o modo de contratações, que oferece um leque de opções em busca de diferentes métodos de negociação. Como nos campeonatos reais onde existe um período específico para este tipo de operações, um na pré-temporada e outro a meio da temporada. Com o passar das temporadas, os jogadores envelhecem e reformam-se, por isso preparem-se para os substituírem.

Nós contra o Mundo

Apesar de excelente, PES 5 não vive apenas da Master League. Pela primeira vez na franquia, todas as versões do jogo incluem suporte on-line (PC, PS2 e Xbox). A pouca experiência da Konami neste campo nota-se ao longe, mas pelo menos podemos desafiar os amigos para uma partida.
Estas novidades são as que mais me surpreenderam, mas não são as únicas. As habituais estão presentes, como as animações novas, a IA melhorada, física da bola superior e gráficos melhores. Infelizmente a Konami teima em converter diretamente a versão de PS2 para o PC, o que eu lamento. Apesar de ser possível jogar com o teclado aconselho a compra de um joypadi, de preferência parecido com o da PS2. Acabo onde comecei, é um jogo frustrante, mas porque simula o futebol como ele é. Porém acaba por ser a longo prazo, um dos jogos de esportes mais gratificantes. Se gostam de futebol tal como ele é, Pro Evolution Soccer 5 é imperdível.


Nenhum comentário

||
GameVicio
8.7/ 10
Média da crítica
Média dos usuários
Sua nota

Sobre o colaborador

avatar de Anônimo
©2016 GameVicio