GameVicio Entretenimento: GameVicio | FlashVicio | Hhide.ME | ClubVicio | Fórum | Flow | MovieVicio

Review de Guitar Hero Encore: Rocks the 80s para PS2 de GameVicio

por Czarna Msza 666, data  editar remover


Depois de muito sucesso com os dois primeiros jogos da série, a produtora de Guitar Hero criou uma expansão do segundo game da série, desta vez, apenas com musicas dos anos 80.

Mini-show

Sendo uma expansão do segundo título da série, Rock the 80's é bem menor, o modo de campanha possui trinta músicas como no primeiro jogo da série e não há mais como comprar outras de artistas independentes.
Os modos de competição multi-jogador e treinamento são idênticos aos do segundo jogo, até os gráficos são os mesmos. Dentre os personagens estão: Axel Steel, Pandora, Judy Nails, Izzy Sparks, Johnny Napalm e Grim Ripper (Este precisa ser desbloqueado), ou seja, não recebeu nenhum personagem novo, alguns foram retirados do jogo e aqueles que continuaram, estão com roupas dos anos 80 desta vez.

Trilha sonora

Os fãs de Heavy Metal tradicional, Hard Rock clássico e Glam Rock devem ter se sentido esquecidos no anterior, pois haviam poucas músicas destes gêneros, mas agora podem se divertir, pois a maior parte da nova trilha sonora é composta por estes estilos. O destaque vai para o Heavy Metal, ícone do Rock pesado dos anos 80, deste estilo incluem bandas como: Quiet Riot, Dio, Judas Priest e finalmente a lendária banda Iron Maiden. No Glam/Hard Rock os destaques são: Skid Row, Scorpions e Twisted Sister (Só faltaram Kiss e Alice Cooper).
Os fãs de Funk Metal, Grove Metal, Grunge e Rapcore, que devem ter adorado o Guitar Hero 2, vão ficar desapontados com o novo título, pois nos anos 80 esse gêneros ainda não existiam e, consequentemente, nem na trilha sonora do game.
Com exceção da música Holy Diver de Ronnie James Dio, as gravações não são muito fiéis às originais, provavelmente pelo numero maior de cantores difíceis de imitar como: Paul Dianno do Iron Maiden, Dee Snider do Twisted Sister e Klaus Meine do Scorpions. Apesar da queda de fidelidade, a qualidade das gravações continuam ótimas.

Jogabilidade

A jogabilidade e a mesma dos outros dois jogos. Notas de cinco cores diferentes vão caindo por um gráfico e, quando atingem uma linha no final do mesmo, o jogador deve apertar um botão (presente no braço do Controle-Guitarra) da mesma cor desta nota e palhetar (Ativar o interruptor do controle-guitarra). Há uma barra usada para distorcer notas.
Se o jogador não tiver o controle em formato de guitarra, é possível usar o Dual Shock 2. Neste caso, usa-se os botões L1, L2, R1, R2 e X para ativar as notas, a distorção é feita com a alavanca analógica esquerda e não é necessário (Nem possível) palhetar.

Dificuldade

A dificuldade caiu um pouco em relação ao segundo título da série. Continua mais difícil do que o primeiro, mas ficou mais fácil do que o segundo, o que é bom para os novatos, além de incluir o modo de treinamento que facilita ainda mais.

Gráficos

Como mencionei anteriormente, os gráficos os mesmos de Guitar Hero 2. São totalmente estilizados, o que é bom, pois deixa o game mais engraçado. Os cenários também são os mesmos de Guitar Hero 2, apesar de estar faltando alguns e desta vez o Blackout Bar é colorido e não todo preto-e-branco como no Guitar Hero 2.

Conclusão

Guitar Hero Encore: Rock The 80's não adiciona nada de novo a série, é menor que os anteriores, mas, em compensação, mantém a qualidade sólida da série. Se você não gostou dos anteriores, passe longe deste game, mas se você gostou dos outros títulos da série e gosta de Rock dos anos 80, esse título é uma boa pedida. Se é melhor ou pior que os outros dois jogos da série, isso fica a critério do gosto musical do jogador.


Nenhum comentário

||
GameVicio
9/ 10
Média da crítica
Média dos usuários
Sua nota

Sobre o colaborador

avatar de Czarna Msza 666
©2016 GameVicio