GameVicio Entretenimento: GameVicio | FlashVicio | Hhide.ME | ClubVicio | Fórum | Flow | MovieVicio

Review de Resident Evil para PC de GameVicio

por vinnyScrap, data  editar remover


Sobreviva ao Horror

Lançado em meados de 1996, ???sobreviver??? é o principal objetivo do primeiro capítulo desta grande série de sucesso, tão grande quanto sua capacidade de deixar adultos chupando o dedo embaixo do cobertor.
Com uma temática inovadora para a época, o jogador é colocado no papel de um protagonista de filme de terror. Mais do que ação, o jogo cativou os fãs pelo suspense que envolve toda a trama mórbida.

O jogo prima pela pressão emocional de se estar trancafiado em uma mansão desconhecida cheia de zumbis e criaturas horrendas, fórmula que não é nenhuma novidade, mas que foi muito bem conduzida pelo pessoal da Capcom.

Na pele de dois personagens distintos selecionáveis no início (Jill Valentine e Chris Redfield), o jogador deverá sobreviver aos ataques dos ???comedores de cérebro???, desvendar a trama e, ainda de quebra, resolver diversos puzzles onde inteligência e perspicácia são fundamentais.


História Envolvente

Logo no início do game somos apresentados à história na qual seremos inseridos.
Uma série de assassinatos bizarros começa a ocorrer em uma floresta nos arredores de Raccon Citty.
Um grupo especial da polícia de Raccon (BRAVO Team) é enviado para averiguar a situação, no entanto, desaparecem misteriosamente. Outro esquadrão é destacado - o S.T.A.R.S. (Special Tatics and Rescue Squadron) - para resgatar o primeiro grupo perdido.

No entanto quando chegam à floresta são atacados por cães em estado de putrefação totalmente insanos e sedentos de sangue, que acabam devorando um dos membros do grupo. A única alternativa é fugir o mais alucinadamente possível. Durante a fuga eles encontram uma mansão no meio da floresta. Como essa é sua única alternativa de sobrevivência, eles entram na mansão. Ali estariam a salvo, pelo menos é o que pensavam.

A partir daí começamos o jogo na pele de um dos personagens centrais do jogo. E a história começa a se desenvolver através de nossa interação. Nota-se, à medida em que evoluímos, que a trama é bem mais profunda do que apenas mais um clichê de terror hollywoodiano.

Pintou um clima

Um dos fatores mais impressionantes é a forma como sentimo-nos ambientados e envolvidos pelo game.
O clima que se têm ao percorres os corredores escuros e as salas secretas chega a ser claustrofóbico. Torna-se, impossível em alguns momentos evitar que o coração dispare e as mãos soem frio, como durante uma perseguição onde cachorros-zumbi tentam nos devorar em um corredor estreito ao melhor estilo Stephen King. Nesse quesito merecem destaques dois fatores que contribuem imensamente para toda essa imersão: o visual e o som, que discutiremos mais a diante.

Outro fator interessante introduzido no jogo e que se tornou padrão no gênero é encontrarmos ao longo do jogo, documentos, diários, anotações que nos ajudam a entender um pouco mais do que está acontecendo no local, permitindo maior compreensão dos fatos.

Gráficos de arrepiar

Em sua época, Resident Evil possuía os melhores gráficos já vistos em um jogo, capaz de arrancar arrepios tanto por sua qualidade quanto por sua ambientação ao tema.

Os elogios aqui ficam por conta do capricho da equipe em construir virtualmente a mansão que serve de palco para o derramamento de sangue. Em uma mistura de elementos 2-D e 3-D foi possível construir ambientes muito ricos em detalhes e qualidade. ?? impressionante a quantidade de detalhes que notamos ao adentramos qualquer dos vários aposentos da mal-fadada mansão, como escrivaninhas desarrumadas, salões com mobília colonial, etc.

A crítica fica por conta dos personagens, que, poderiam ser um pouco mais bem polidos, no entanto, isso não chega a atrapalhar ou frustrar os jogadores. Os efeitos de iluminação não são tão explorados devido às restrições de hardware e software da época.

Os altos e baixos dos sons

Comecemos a análise do som pela melhor parte: a trilha sonora. As músicas dão um show a parte, totalmente pertinentes ao tema, a sinfonia de instrumentos clássicos trás à tona aquele ar de mistério que envolve o game. Seja variando a intensidade nos momentos de maior ação ou tecendo um pano de fundo aterrorizante, as músicas tornam a jogatina muito mais interessante.
Os sons do ambiente também são muito bons. O vento, o som dos objetos quebrando, os grunhidos das criaturas à distância faz os pêlos do braço se arrepiarem em alguns momentos (e não são poucos).
Porém, como toda regra tem sua exceção, as falas dos personagens fazem o caminho totalmente inverso dos itens acima citados. Através de dublagens sem emoção e com falas que mais parecem sair de seriados americanos de terceira classe, esse quesito deixa, e muito, a desejar.


Desvie dos zumbis, se for capaz

Jogabilidade: este é um item que causa controvérsias até hoje entre os fãns da série. Fato é que demora algum tempo para que os iniciantes se acostumem com a mecânica (literalmente) dos personagens. Em alguns momentos os personagens possuem uma movimentação quase robótica.
Outro fato que contribui para a dificuldade de locomoção é a localização das câmeras. Posicionadas cinematograficamente nos cenários elas proporcionam maior suspense, mas grande dificuldade de mover-se. Principalmente nos momentos de mudança de câmera, o botão que apertávamos para andar à frente faz o personagem dar uma guinada brusca para a esquerda, por exemplo. E isso em momentos cruciais, como desviar de um zumbi, é um fator um pouco frustrante. Tudo bem que o fator de Inteligência Artificial dos zumbis é quase nulo, mas pudera, se tratam de zumbis.

Conclusão

A união de uma bela história, ótima ambientação e tecnologia de ponta (para a época) fazem deste um dos maiores clássicos dos games de todos os tempos, garantindo diversão e alguns pesadelos em noites sombrias e chuvosas.
Por conta de todos estes predicados, Resident Evil tornou-se o precursor do gênero Survival Horror, abrindo um novo leque no mercado mundial dos Games.


Nenhum comentário

comments powered by Disqus
GameVicio
9.5/ 10
Média da crítica
Média dos usuários
Sua nota

Sobre o colaborador

avatar de vinnyScrap
©2016 GameVicio